16 de junho de 2024
Eleições 2024 • atualizado em 09/11/2023 às 10:49

Jânio Darrot afirma que escolha de Caiado para pré candidatura será feita ainda este ano

O empresário conta que o ideal é que a escolha de Caiado seja oficializada antes do Natal.
Jânio conta que tem recebido incentivo e que se caso for indicado, tem a possibilidade de vencer as eleições. (Foto: Divulgação).
Jânio conta que tem recebido incentivo e que se caso for indicado, tem a possibilidade de vencer as eleições. (Foto: Divulgação).

É certo que o quadro eleitoral para a disputa da Prefeitura de Goiânia em 2024 ainda não está definido. Porém, existe uma especulação em relação aos políticos mais sondados para a disputa do pleito. Em entrevista ao editor do Diário de Goiás, Altair Tavares, o empresário Jânio Darrot (MDB), confirma que a escolha da pré candidatura da base aliada ao governador Ronaldo Caiado (União Brasil), deve acontecer ainda este ano. 

As eleições municipais de 2024 estão marcadas para 6 de outubro, e com menos de um ano para a votação, Darrot falou sobre a preocupação de Caiado em apresentar o candidato da base e iniciar a pré campanha. “É importante que seja apresentado esse ano para que o nome passe a circular e fazer parte do universo político das eleições do ano que vem. Para que Caiado, em fevereiro ou março, faça o lançamento da pré campanha. E depois, logicamente, depois das convenções, a campanha em si”. 

Questionado sobre o curto prazo para a escolha de Caiado, Darrot afirma que dará tempo e que ele considera importante que a escolha seja feita antes do Natal. “Se a base do governador Ronaldo Caiado com o vice-governador Daniel Vilela decidir que o meu nome será o escolhido para a candidatura para 2024, então eu preciso de tempo. Tem que ter rodagem daqui até lá. Até porque a gente não falava nisso. Eu nem pensava nisso também”, revela.

Jânio se mostra disposto para a disputa apesar de que não era um projeto político. A convite de Daniel Vilela ele se filiou ao MDB na tentativa de contribuir com a gestão do estado, sendo um apoio de Daniel e com Trindade, cidade onde foi prefeito. “Fui prefeito de Trindade e me sinto pronto, preparado para ser prefeito aqui em Goiânia também. Como eu disse no programa do Gama, quem administra uma cidade de 140.000 habitantes está pronto e preparado para administrar uma cidade bem maior de um milhão, dois milhões de pessoas. Porque a gestão pública, a essência, é a mesma”, explica Jânio.

Apoio na candidatura

Darrot afirma que tem recebido um retorno positivo de pessoas que acreditam em sua candidatura em Goiânia. “Muitas pessoas ligando pra mim e se colocando à disposição, vereadores, ex-deputados e prefeitos. Então, eu tenho recebido muitos incentivos, o telefone não para de tocar. O que me deixa cada vez mais animado é que eu tenho recebido incentivo de pessoas que acreditam no nosso crescimento aqui, e automaticamente temos grandes possibilidades de vencer essas eleições”, disse entusiasmado.

O empresário também conta que pessoas próximas se mostram preocupadas com a exposição que uma sondagem como essas proporciona. “É lógico que a gente recebe também pedidos de pessoas que às vezes se preocupam e que querem que a gente não se exponha. Querem que a gente procure continuar com a vida um pouco mais tranquila que a vida empresarial e de produtor rural”, disse Darrot que tem focado no incentivo para a candidatura.

Saúde para enfrentar o processo 

Aos 68 anos Jânio alega ter saúde para enfrentar toda a carga eleitoral. Porém, ele fez algumas considerações a respeito de seu histórico com a Covid19. “Eu tive Covid, e tive uma sequela. Tive um problema nos rins, em que houve uma queda muito grande dos níveis de sódio no sangue e no meu organismo. Então isso aí me levou a um processo de perca da musculatura e da força. Eu tive que ser internado, inclusive na UTI”, inicia.

“Mas ai eu recuperei e fui fazendo a musculação com muita determinação e vontade de viver, de trabalhar. Então eu penso que é a política, ela dá vida pra gente também. Na hora que a gente tá fazendo política, não se tem tempo pra adoecer. É impressionante”, conclui. Vale lembrar que em 2020, Jânio atuava como gestor municipal de Trindade e fez investimentos no combate ao coronavírus, como a ampliação da UPA 24h.

Ele finaliza afirmando que está tranquilo e reforça que ainda não se trata de um convite, mas que está feliz em ter sido sondado. “Isso já me passou a me dar uma motivação muito grande. Se eu não for candidato, como eu disse, eu quero estar junto, dentro do grupo, apoiando, trabalhando aí pra eleger os nossos candidatos”, finaliza.


Leia mais sobre: / / / / / / Notícias do Estado / Política

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019