13 de julho de 2024
Diário das Eleições 2014

Iris Rezende: “Serei o governador do Entorno”

Peemedebista apresentou propostas para a região e disse que fará parceria com Governo Federal e do DF para resolver problemas que afetam a população

Em entrevista à rádio Top FM, de Brasília, na manhã desta quarta-feira, 22, o candidato da oposição ao governo de Goiás, Iris Rezende (PMDB), apresentou propostas para o Entorno do Distrito Federal (DF), região esquecida pela atual gestão do Estado. Para o líder peemedebista, o próximo governador precisa ter autoridade para estabelecer parcerias com o Governo Federal e com o Governo do DF e, assim, criar uma série de ações para resolver os problemas que afetam a população.

“Serei o governador do Entorno. Vou dar solução a questões como Saúde, Segurança e Educação”, pontuou, frisando que “por causa do descaso a região sente com mais intensidade os problemas vivido por Goiás.” O governadoriável frisa que as 19 cidades da Rede Integrada de Desenvolvimento do Entorno (Ride) estão esquecidas e precisam receber a devida atenção. “Vou levar investimentos e benefícios com foco na melhoria de vida das pessoas. Esses moradores terão orgulho de dizer que são goianos”, garante.

Entre as propostas apresentadas pelo governadoriável, durante entrevista, está o Metrobus do Entorno, que garantirá transporte barato e de qualidade. Pelo projeto, as viagens que hoje custam R$ 4,65, com o subsídio do governo, passarão a valer R$1. “Há muito tempo o Entorno merece do governo estadual uma atenção especial quando o assunto é transporte coletivo, que é, hoje, um dos maiores gargalos”.

Já na área da Saúde, Iris criará dois hospitais regionais para atender a população, que, atualmente, depende de ambulâncias para conseguir atendimento médico. “Esses veículos são a principal estratégia para atender os doentes em Goiás. Com isso, muitas pessoas sofrem muito até conseguir atendimento ou morrem antes de chegar a um grande hospital”, explica.

A cidade de Formosa terá seu hospital municipal transformado em regional. No total, Goiás ganhará dez unidades equipadas adequadamente para atender às demandas de cada região. O governadoriável também construirá maternidades regionais e realizará os mutirões da saúde, com unidades móveis percorrendo todo estado e oferecendo consultas básicas. O candidato também vai implantar o programa Saúde em Casa, com atendimento domiciliar para pacientes acamados.

SEGURANÇA

O governadoriável também reforçou a proposta de dobrar o efetivo das policiais civil e militar e valorizar os profissionais da Segurança Pública. “Por onde passo, pessoas me abordam falando da insegurança que tem atormentado a todos, mas digo, solução existe basta ter pulso e coragem para resolver essa problemática. Não podemos deixar que essa situação tão preocupante se alastre ainda mais”, enfatiza.

Durante a entrevista, Iris lembrou que em visitas recentes ao Entorno acompanhou de perto a situação de comerciantes que vivem, literalmente, atrás das grades. “Hoje, eles atendem seus clientes do lado de fora, se a atual administração tivesse uma atenção especial com a segurança pública essa situação era inexistente”, lamenta.

Questionado sobre o anúncio do senador eleito, Ronaldo Caiado, para o comando da Secretaria de Segurança Pública (SSP), Iris definiu o aliado como “um homem com autoridade, com posições definidas e muito sensível às questões que afetam os goianos”. O peemedebista esclareceu que resolveu apresentar seu secretariado antes do segundo turno para que os goianos conheçam os gestores que o ajudará a governar Goiás. “Quem poderia imaginar que o atual governador iria colocar pessoas ligadas ao crime para atuar na Segurança”,questionou, referindo-se à Operação Monte Carlo, que revelou as relações entre a administração do Estado e a contravenção.

(Informações da Assessoria de imprensa do candidato)


Leia mais sobre: Diário das Eleições 2014