25 de maio de 2024
Cidades

Identificado mentor de assalto em joalheria de shopping de Aparecida de Goiânia

Paulo Sérgio China, de 23 anos, é considerado de alta periculosidade - Foto: Polícia Civil
Paulo Sérgio China, de 23 anos, é considerado de alta periculosidade - Foto: Polícia Civil

A Polícia Civil identificou o suspeito de ser o líder do grupo que assaltou uma joalheria na tarde do último domingo (17), no Buriti Shopping, em Aparecida de Goiânia. Paulo Sérgio China, de 23 anos, apresenta uma ficha criminal extensa, sendo considerado de alta periculosidade. Ele continua foragido, assim como o homem que dirigia o veículo usado na fuga no dia do assalto.

O delegado do 5º DP de Aparecida de Goiânia,Carlos Levergger,  afirma que foi feita  a identificação  de Paulo Sérgio. “As medidas judiciais cautelares foram feitas, e segundo as testemunhas  ele foi o mandante, que verbalizou e rendeu os seguranças. Considerado de alta periculosidade desde que era menor, já respondia em liberdade por latrocínio”.

O delegado relata ainda que existe  um quinto homem que está sendo procurado. “O objetivo da Polícia Civil é identificar  pelas imagens e pelo reconhecimento das testemunhas, e através da captura desse quarto, chegarmos ao quinto envolvido”, explica.

O advogado da família do Paulo Sérgio  chegou a negociar com a polícia uma tentativa de rendição, para que ele se apresentasse voluntariamente, mas a negociação acabou não dando certo. ” Ele o tempo todo negou que não iria se apresentar, que iria se manter foragido. O que  está sendo verificado no momento é que ele ainda permanece na Serra das Areias. Ontem ele conseguiu evadir durante o cerco e sem condições de deslocamento permanece lá. Os policiais continuam em busca tentando encontrá-lo”,  disse o delegado.  


Leia mais sobre: / / / / Cidades