21 de julho de 2024
Cidades

Homem que matou casal depois de mulher ter dedurado será julgado na segunda, 11

Tribunal de Justiça absolveu o condenado em 1º instância nesta terça-feira, 15 (Foto: Conselho Nacional de Justiça)
Tribunal de Justiça absolveu o condenado em 1º instância nesta terça-feira, 15 (Foto: Conselho Nacional de Justiça)

O julgamento do homem acusado de matar os noivos Camila Edna Silveira de Oliveira e Mário Silva de Moura na porta de casa do casal, depois de Camila ter mandado mensagem para esposa do réu contando que ele estava em uma festa, será na segunda-feira (11).

Os homicídios aconteceram em 17 de setembro do ano passado, no Residencial Primavera. O empresário Eduardo Pio Mascarenhas foi denunciado por dois homicídios qualificados, cujas penas variam entre 12 e 30 anos para cada um.

Presidirá o júri popular o juiz Eduardo Pio Mascarenhas da Silva, no Fórum Criminal do Jardim Goiás, às 8h30. A acusação do Ministério Público será feita pelo promotor de justiça Maurício Gonçalves de Camargos. 

{nomultithumb}


Leia mais sobre: Cidades