21 de maio de 2022
Cidades

Esposa encomenda morte de marido por R$ 1500

Cinco pessoas foram presas pela morte de Osvaldo Pereira de Sousa. O fato ocorreu no último sábado em Aparecida de Goiânia. De acordo com a Polícia Civil, Angelita (esposa da vítima), Maria Pereira (irmã da vítima) e Maria das Graças (irmã da vítima), contrataram Gilberto Barbosa dos Santos e Warlliy Naves de Oliveira para matar Osvaldo.

O delegado Rogério Bicalho explicou, em entrevista ao apresentador Emerson Vargas, na manhã Bandeirantes, que a esposa da vítima entrou em contradição no depoimento após aos policiais da Grupo de Investigação de Homicídios, chegarem na chacará para investigar o caso. Segundo o delegado foram presos de imediato a esposa do vítima e duas irmãs que contrataram os matadores para cometer o crime.

Os dois homens cobraram R$ 1500 e eles foram presos logo em sequência. Segundo o delegado a motivação para o crime seria financeira uma vez que a vítima era funcionária da irmã mais não recebia direitos trabalhistas.

Continua após a publicidade

Rogério Bicalho explicou que nenhum dos envolvidos tinha passagem pela polícia.  

A alegação da esposa de Osvaldo e das irmãs seria de que a vítima estava fazendo ameaças de mortes. Segundo as investigações as mulheres ofereceram aos assassinos a quantia R$ 1,5 mil.

 

Continua após a publicidade

Leia mais sobre:
Cidades