27 de fevereiro de 2024
CASO RARO

Homem fica cego após adormecer enquanto estava bêbado; entenda

Paciente foi para um pronto-socorro em Taiwan, na cidade de Puzi, após ficar três dias cego e sentindo dor no olho esquerdo
Durante o exame, a pupila esquerda não se moveu nem respondeu à luz. (Foto: NEJM)
Durante o exame, a pupila esquerda não se moveu nem respondeu à luz. (Foto: NEJM)

Um homem ficou parcialmente cego de um olho após dormir de bruços enquanto estava bêbado. Segundo o relato publicado no New England Journal of Medicine, ele rompeu os vasos sanguíneos do globo ocular.

O paciente foi para um pronto-socorro em Taiwan após ficar três dias cego e sentindo dor no olho esquerdo, dizendo que os sintomas começaram depois que saiu para beber e tomou remédios para insônia. Ele teria adormecido em posição que pressionava o olho afetado.

Durante o exame, a pupila esquerda não se moveu nem respondeu à luz, apresentando oftalmoplegia, ou seja, os músculos oculares estavam paralisados e o olho esbugalhado. A equipe descobriu que os vasos sanguíneos se romperam, causando hemorragia e o tecido ao redor do olho ficou inchado. O diagnóstico definiu que o paciente estava com neuropatia óptica isquêmica e coroidopatia.

A condição acontece quando o sangue não flui adequadamente para o nervo óptico do olho, responsável por transportar sinais da região para o cérebro e os transforma em imagens que você pode ver, levando à perda de visão permanente. Já a coroidopatia consiste em uma doença causada pelo acúmulo de líquido sob a retina.

Segundo especialistas, a coroidopatia é “conhecida como ‘retinopatia de sábado à noite’ devido à sua associação com o uso de álcool e substâncias sedativas”.


Leia mais sobre: / / / / / Mundo

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.