22 de abril de 2024
INOCENTE

Henrique, da dupla com Juliano, é inocentado de acusação de agressão contra técnico de ar-condicionado

Juiz entendeu que não há provas o suficiente para condenar Henrique, uma vez que o laudo não aponta causa e agente causador da agressão
Denunciante afirmou que o sertanejo arrancou o celular de sua mão e deu um soco em sua boca. (Foto: reprodução)
Denunciante afirmou que o sertanejo arrancou o celular de sua mão e deu um soco em sua boca. (Foto: reprodução)

O cantor sertanejo Henrique, da dupla com Juliano, foi inocentado após ser acusado de agressão contra um técnico de ar-condicionado durante uma festa de Marília Mendonça, há cinco anos. Conforme o processo de indenização por danos morais, Thiago Junio Martins da Silva afirmou que o sertanejo arrancou o celular de sua mão e deu um soco em sua boca, entretanto, o juiz considerou que não há provas o suficiente para condenar o músico.

Segundo o UOL Splash, o juiz Danilo Luiz Meireles dos Santos afirmou que o boletim de ocorrência apresenta falhas, uma vez que traz apenas a versão de Thiago. “Entendo que sua narrativa não se afigura verossímil, na medida em que não há nenhum elemento probante capaz de corroborá-la”, diz.

Na época da suposta agressão, o técnico de ar-condicionado apresentou uma imagem da boca sangrando, afirmando ser consequência da agressão de Henrique. Entretanto, o juiz diz que o laudo não indica que a lesão teria sido causada pelo sertanejo. “O laudo de exame de corpo de delito indica a existência de lesões no corpo na parte autora, contudo, não aponta a causa e o agente causador, de sorte que não pode ser utilizado como elemento de prova capaz de corroborar a versão apresentada no boletim de ocorrência”, afirmou.

Com isso, o juiz julgou como improcedente o pedido de indenização pedido pela defesa de Thiago, no valor de R$ 50 mil. Além disso, o denunciante terá que arcar com o pagamento das custas e despesas processuais, e com os honorários advocatícios de 10% no valor atualizado da condenação.


Leia mais sobre: / Brasil

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.