13 de abril de 2024
Caos • atualizado em 26/09/2022 às 17:42

Hackers sequestram arquivos do Grupo Jaime Câmara e exigem R$ 1 milhão, diz site

Segundo a TV Pop o ataque hacker foi uma tentativa de interromper as operações dos veículos de comunicação às vésperas da cobertura das eleições
Grupo Jaime Câmara tem arquivos sequestrados. (Foto: Divulgação / Jaime Câmara)
Grupo Jaime Câmara tem arquivos sequestrados. (Foto: Divulgação / Jaime Câmara)

Desde o último domingo (25), os sites do Grupo Jaime Câmara se encontram inoperantes. Um ataque hacker fez com que todos os sistemas que atendem aos veículos do grupo de comunicação, como as emissoras TV Anhanguera de Goiás e Tocantins, rádio, sites e jornais impressos, ficassem indisponíveis. Nesta segunda-feira (26), os telespectadores puderam notar a exibição dos telejornais com poucas reportagens, e até mesmo algumas rádios da emissora também estão fora do ar, junto com sites dos jornais O Popular, Daqui e CBN Goiânia, além do impresso que também ficou incompleto na edição desta segunda.

O G1 Goiás foi o único veículo do grupo de mídia que não foi afetado, pois fica abrigado em um ambiente virtual de responsabilidade da Globo.

Segundo informações da TV Pop, o ataque hacker foi uma tentativa de interromper as operações dos veículos de comunicação do Grupo Jaime Câmera e acontece às vésperas da cobertura das eleições neste próximo domingo 2 de outubro. Ainda conforme a TV Pop, Os criminosos teriam dado o prazo de sete dias para que a empresa de mídia pague a quantia de R$ 1 milhão ou todos os dados serão apagados.

NÃO DEIXE DE LER: Sites do Grupo Jaime Câmara estão fora do ar há 24 horas

O clima na emissora se transformou em um verdadeiro caos.  A TV Anhanguera usou as redes sociais para pedir desculpas pelos problemas técnicos. ”Nossas equipes estão trabalhando intensamente para o restabelecimento dos serviços o mais rápido possível. Enquanto isso, fique informado acessando o portal G1 Goiás, a rádio CBN Goiânia e a TV Anhanguera. Contamos com a sua companhia!”, informou.


Leia mais sobre: / / / Cidades

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.