09 de agosto de 2022
Bateu o martelo • atualizado em 05/08/2022 às 20:53

Gustavo Mendanha destaca religião de Heuler para escolha de vice: “não queriamos uma guerra de fé”

Apesar de ser do mesmo partido que Gustavo, Cruvinel representa o agronegócio, a região sudoeste e é católico
Gustavo Mendanha destaca representação do agronegócio, religião, experiência como qualidades de Heuler Cruvinel para a vice-governadoria
Gustavo Mendanha destaca representação do agronegócio, religião, experiência como qualidades de Heuler Cruvinel para a vice-governadoria

O candidato ao Governo de Goiás, Gustavo Mendanha (Patriota) destacou que entre os predicados buscados para o vice, estava ser de uma religião diferente da sua e do candidato ao Senado, deputado federal João Campos. Daí, alguém para buscar o eleitorado católico. Além de ser do sudoeste goiano e um “representante do agro”, o ex-deputado federal Heuler Cruvinel (Patriota), por ser católico, preenche esse requisito. “Não queriamos uma guerra de fé”, mencionou o patriota em coletiva durante a convenção da legenda, nesta sexta-feira (05/08).

“A gente buscava alguém que pudesse representar uma outra região que não fosse a região de onde vivo. Sou morador de Aparecida de Goiânia. O Heuler é de Rio Verde, uma região importante. Ele representa o agronegócio que chega com a força que esperávamos. Eu sou da cidade, o Heuler do campo”, explicou Gustavo Mendanha.

LEIA TAMBÉM: Vice de Gustavo Mendanha sairá de diálogo com “partido de maior porte”, afirma presidente do Patriota

Continua após a publicidade

Entre as características a religião também era importante. “Nós buscávamos um vice que fosse católico. Eu sou evangélico, o João evangélico e nós não queriamos ter uma guerra de fé. Era importante buscar um vice que fosse católico e o Heuler apresenta além de todas qualidades e predicados o sudoeste vai mostrar sua força nas eleições”, destacou.

Gustavo Mendanha esperava anunciar um candidato a vice de outra força partidária para ampliar a força da coligação. No radar, além de ser de outra região, também estava uma mulher. Não deu. Heuler Cruvinel é homem-cis e apesar de cumprir com as expectativas regionais além de contribuir com a diversidade religiosa, é do Patriota, legenda de Gustavo. 

“A gente teria condição de tentar buscar outro partido, buscamos diálogos mas tinhamos critérios para aquele que estivesse na vice tivessem esses predicados. O Heuler é de outra região, católico, foi deputado federal por dois mandatos e tem experiência. Podem ter certeza que nós já tínhamos uma força gigante no sudoeste goiano”, pontuou.

Continua após a publicidade

Em busca de se tornar conhecido por cidades do interior goiano, Mendanha explicou qual será sua estratégia para subir nas pesquisas. “Ter disposição. Não vai faltar energia, trabalho. Vamos fazer o que nós temos feito nos últimos quatro meses: dormir pouco e trabalhar de domingo a domingo. Participar das entrevistas, sabatinas e apresentar o nosso plano. Temos tempo para isso, temos tempo de televisão e vamos utilizar as redes sociais por isso”, destacou.