20 de fevereiro de 2024
Aperfeiçoamento • atualizado em 25/11/2023 às 09:43

Guarda Civil Metropolitana recebe treinamento para estratégias de segurança em Goiânia

Cerca de 100 agentes da Romu e do Grupo de Operações com Cães receberão treinamento para uso de armas como reforço para ações de maior periculosidade
Foto: GCM
Foto: GCM

A Guarda Civil Metropolitana de Goiânia (GCM) participa de treinamento para uso de armas adquiridas e capacitação para ações de maior periculosidade. Cerca de 100 agentres de grupos especializados, como a a Ronda Ostensiva Municipal (Romu) e o Grupo de Operações com Cães (GOC K9) estão recebendo a preparação.

O treinamento voltado para grupos especializados é ministrado por instrutores da própria Guarda. Os cursos de capacitação ocorrem na Diretoria de Pesquisas, Estudos, Ensino e Capacitação da GCM, com duração de 50 horas/aula. Ao final do curso, todos os participantes estarão aptos ao manuseio de armamentos de calibre de alta potência.

O comandante a GCM, Wellington Paranhos, explica que o aprimoramento dos agentes é importante, visto que as facções criminosas estão se aparelhando e tendo acesso a armamentos cada vez mais tecnológicos. “Vivemos em uma realidade mais controlada, quando falamos de segurança pública em nosso estado e Capital. No entanto, as forças policiais têm que estar preparadas para qualquer intervenção, fazendo valer o ordenamento público”, destacou.

Para Paranhos, o treinamento é necessário até mesmo para a proteção dos agentes. “Resguardando a vida de nossos agentes, da população, levando cada vez mais segurança à nossa sociedade, necessitamos buscar treinamento e equipamentos adequados para uso, seguindo o que reza o Procedimento Operacional Padrão (POP)”, explica o comandante.

Em março deste ano, a GCM adquiriu 17 armas modelo Carabina T4, calibre 5,56, como reforço aos grupos especializados da corporação. Segundo o comandante, o Ministério Público Estadual acompanhou todo o processo de aquisição. Responsáveis por realizar proteção municipal ostensiva, cabe também às Guardas Municipais zelarem pelo convívio social pacífico em ambientes públicos.


Leia mais sobre: / / Cidades

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.