24 de julho de 2024
Política

Governo federal realiza encontro com prefeitos goianos

Com o objetivo de orientar os novos gestores, o governo federal realiza nesta sexta-feira (23), em Goiânia, Encontro Estadual com novos prefeitos e Prefeitas. Estão presentes, representando o governo federal, a ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvati, a ministra Miriam Belchior, do Planejamento e o da Saúde, Alexandre Padilha.

A programação prevê palestras e orientações quanto aos programas do governo federal para os municípios.

Acompanhe trechos dos discursos:

Paulo Garcia: “Agradeço a disposição do governo federal que está próximo de onde a vida acontece. O século XXI é definitivamente o século das cidades. É na cidade que a vida acontece onde a gente mora, sonha e quer alcançar os nossos objetivos, é onde a gente encontra obstáculos e onde existem as demandas que nós gestores precisamos dar repostas. Ações como essa são salutares e produtivas. Nós acreditamos que democracia se faz assim…”

Não é verdade o que as pessoas dizem sobre nós políticos. A grande maioria das pessoas é de gente do bem, séria, trabalhadora e honesta. Nós prefeitos trabalhamos muitos e sofremos muitos. O prefeito sabe que falta escola, saúde, investimento. A maior parte dessas situaçãões nós não temos recursos para isso. É por isso que o PAC é muito bem vindo. Tenho orgulho de fazer parte desse governo e da presidenta da República, uma mulher de luta que dedicou sua vida à redemocratização desse país.

Ideli Salvati: “Se vocês fossem a Brasília para serem atendidos pelos 12 ministérios que estão aí fora, vocês levariam dias. Quero agradecer a forma com que fomos acolhidos aqui, não é possível um evento dessa magnitude sem o apoio. Nós fizemos uma reunião e os deputados nos apresentaram as principais demandas até para que pudéssemos orientar os ministérios. Nas bancadas, nós temos os principais elos dos municípios com Brasília. São eles que brigam com vocês e sem essa ajuda fundamental, não é possível”…

…Todos os prefeitos e municípios até 50 mil habitantes vãi receber máquinas (retroescavadeiras). Não importa se é do DEM, do PSDB. Essa é a forma de governar desde o presidente Lula e agora com a presidenta Dilma se consagra. Ela é presidenta do Brasil. Ela pode ser adversária de partidos na disputa eleitoral, mas governa para todos.


Leia mais sobre: Política