26 de maio de 2024
CULTURA

Governo de Goiás anuncia investimento de R$ 546 milhões em cultura e turismo em Goiás

Investimentos foram mostrados durante um evento com apresentações artísticas no Centro Cultural Oscar Niemeyer
Segundo a primeira-dama, a cultura é o ponto mais forte de um povo. (Foto: Leoiran)
Segundo a primeira-dama, a cultura é o ponto mais forte de um povo. (Foto: Leoiran)

Um pacote de investimentos para cultura e fomento ao empreendedorismo em regiões turísticas do estado foi lançado pelo Governo de Goiás, na quinta-feira (1º). O valor é de R$ 546 milhões destinados ao setor, que receberá recursos do Impulso Goiás, envolvendo secretarias da Cultura e da Retomada, de acordo com a coordenadora do Goiás Social e primeira-dama, Gracinha Caiado.

Segundo a primeira-dama, a cultura é o ponto mais forte de um povo. “Aqui em Goiás temos que manter isso vivo. O investimento em cultura tem que ser político não de governo, mas de Estado. Nós temos a obrigação de garantir oportunidades para as pessoas”, afirmou.

O investimento será para a realização das próximas edições do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica), Mostra Nacional de Teatro de Porangatu (TeNpo), Procissão do Fogaréu e Canto da Primavera, além de festividades tradicionais como as Cavalhadas. A primeira-dama relembrou que recebeu a notícia de que o prêmio Fica não foi pago e que os projetos estavam sendo “destruídos”.

“Eu olhava e dizia ‘como fazer alguma coisa no estado com R$ 11 milhões no caixa? Os servidores efetivos não recebiam. Como fazer esse pagamento se não tem dinheiro e se deve mais de R$ 12 bilhões?’ Eu confesso para vocês que eu chegava em casa e chorava”, relembrou.

Além disso, serão direcionados recursos para shows gratuitos do projeto Claque Cultural, do Fundo de Arte e Cultura (FAC) e do Programa Goyazes.

Parceria Institucional

Os investimentos foram mostrados durante um evento com apresentações artísticas no Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON), em Goiânia. Na ocasião, foi assinado um Termo de Parceria Institucional entre o Governo de Goiás, por meio da Secretaria da Retomada, e o Sistema Fecomércio/Sesc, para eventos culturais este ano, além do fortalecimento do turismo e economia nos municípios goianos.

De acordo com o titular da Retomada, César Moura, há recurso do Tesouro do estado de Goiás e uma parte de recurso federal, bem como o investimento do Fundo de Financiamento do Centro-Oeste (FCO). “O FCO é para o micro e pequeno empresário, que vem do fundo constitucional do Centro-Oeste, que a gente vai travar e colocar metas para os agentes de crédito para atender o setor cultural”, disse.

O secretário reforçou o desejo em impulsionar as economias dos municípios. “Se precisar estruturar melhor para receber esse turista, você precisa se qualificar melhor para receber esses turistas. Nós estamos levando essa estrutura agora para todos os municípios”, relatou.

Segundo o presidente da Fecomércio, Marcelo Baiocchi, será realizado o festival de teatro de Porangatu, ainda definindo qual espetáculo será levado, já confirmando o festival de cinema e vídeo, com show do Geraldo Azevedo e Chico César, e para o festival Canto da Primavera, em Pirenópolis, o show da Maria Gadú.

“Com a retomada cultural, o investimento da ordem de R$ 20 milhões, além do já apresentado pelo Sesc, o projeto Araguaia, teremos mais quatro shows nacionais que o Sesc irá patrocinar. Além disso, a nossa tradicional festa da OVG, com entrega de brinquedos, festa junina com show nacional e o Natal da OVG”, pontuou.


Leia mais sobre: / / / / / Cidades

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.