27 de fevereiro de 2024
MELHORIAS

Goinfra anuncia série de melhorias nas principais rotas turísticas de Goiás

Serão serviços como duplicação, pavimentação, melhorias funcionais e de manutenção continuada
Entre os destaques estão as obras de duplicação da GO-213 entre Morrinhos e Caldas Novas. (Foto: Silvano Vital/Goinfra)
Entre os destaques estão as obras de duplicação da GO-213 entre Morrinhos e Caldas Novas. (Foto: Silvano Vital/Goinfra)

Uma série de melhorias nas principais rotas turísticas de Goiás está sendo realizada pela Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra), como por exemplo trabalhos de duplicação, pavimentação, melhorias funcionais e de manutenção continuada, que auxiliam no deslocamento seguro e confortável de motoristas e passageiros. Entre os destaques estão as obras de duplicação da GO-213 entre Morrinhos e Caldas Novas.

A duplicação da GO-213 é executada pelo Exército Brasileiro e inclui a recuperação de pavimento existente no trecho de 48,36 km, com investimento previsto de R$ 257.688.372,21. Na região de Caldas Novas a Goinfra ainda se prepara para iniciar uma nova duplicação do encontro da GO-213 até o trevo que liga Caldas a Piracanjuba, pela GO-139.

A Goinfra afirmou ainda que na GO-139 serão outros 40 km que receberão serviço de reabilitação e adequação de pavimento existente, assim como passarelas e galerias de águas pluviais.

Haverá ainda aprimoramento da GO-454, que liga a Cidade de Goiás ao Vale do Araguaia e à cidade de Cocalinho (MT), sendo mais de 51 km que passarão por terraplanagem e serão sobrepostos por camada de Tratamento Superficial Duplo (TSD). O investimento, segundo a Goinfra, ultrapassa R$ 60 milhões e a estrutura traz acessibilidade a turistas, além de favorecer a integração das economias goiana e mato-grossense.

A GO-336, entre Crixás e Nova Crixás, também recebe obras de pavimentação em trecho de 46 km, com aplicação de TSD e micro revestimento asfáltico a frio. Além disso, a rodovia recebe obras de restauração em trechos de 23,3 km, o investimento foi de R$ 55 milhões.


Leia mais sobre: / / / / / Cidades

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.