24 de maio de 2024
Goiás Esporte Clube

Goiás tem problemas para estreia no Campeonato Brasileiro contra o Ceará

Médico do Goiás atualiza estado físico de jogadores e previsão de retorno ao time
Breno, Tadeu, Juninho e Ángelo Rodriguez (Goiás Esporte Clube)
Breno, Tadeu, Juninho e Ángelo Rodriguez (Goiás Esporte Clube)

Eliminado da Copa Verde e do Campeonato Goiano, o Goiás Esporte Clube está se preparando para disputa da Série B do Campeonato Brasileiro. O Verdão estreia na competição apenas na segunda quinzena de abril, contra o Ceará, em Fortaleza. Para esse primeiro jogo, a equipe já vários problemas. Muitos jogadores estão entregues ao departamento médico.

Dalton Siqueira, médico do Goiás pontou a situação de atletas que não estão treinando em campo e destacou a expectativa de retorno. Entre os jogadores contundidos estão: Ángelo Rodríguez, Juninho, Tadeu, Cristiano, Breno Herculano e Vinícius.

Ángelo Rodríguez:

“Ele teve um desconforto, uma dor muito intensa durante o jogo e foi substituído. Já iniciou o trabalho de fisioterapia e foi realizado exame de imagem ontem. O exame de imagem confirmou a lesão muscular. O atleta já se encontra no departamento médico e realizando um tratamento específico para essa lesão. Foi uma lesão no adutor da coxa direita. O tempo de recuperação é variável, mas por nossa experiência a gente acredita que ele volta em três ou quatro semanas.”

Juninho:

“Passou por um exame de ressonância magnética. Foi confirmada uma lesão na musculatura anterior e uma pequena lesão no adutor da coxa direita. Ele também está no departamento médico. Ele ficará em tratamento por três ou quatro semanas.”

Tadeu:

“A gente já vinha monitorando o caso do Tadeu, que tinha um certo desconforto que ele tinha no tornozelo. Os exames prévios que nada diagnosticaram, então ele estava apto, estava realizando tratamento com os outros atletas. No último jogo, ele teve uma lesão óssea no tornozelo e está em tratamento. Foi uma lesão decorrente de um trauma no jogo. Inicialmente, o tornozelo será imobilizado, Tadeu fará fisioterapia, mas o quanto antes será reintegrado ao grupo.”

Cristiano:

“Sofreu um trauma no nariz. Houve até um sangramento que nós podemos conter durante o jogo. O exame de imagem confirmou uma fratura do osso do nariz. A exigência de repouso do treinamento com bola é de 15 dias para evitar um novo trauma na região afetada.”

Breno Herculano:

“Ele se encontra na fase de transição, ou seja, ele já saiu da fase de tratamento com a fisioterapia para ser reintegrado ao grupo”.

Vinícius:

“Tem uma dor lateral no joelho esquerdo e já está em tratamento dessa lesão. O tempo de recuperação dele é em torno de 7 a 10 dias”.

Confira o pronunciamento do Dr. Dalton Siqueira


Leia mais sobre: / / Esportes / Goiás Esporte Clube