18 de abril de 2024
Liberação de verbas • atualizado em 21/02/2024 às 16:21

Goiás receberá R$ 18 mi em recursos do Ministério da Saúde para combate à dengue

O primeiro repasse federal para combate à epidemia de dengue em Goiás será feito ainda esta semana
Os detalhes do repasse foram definidos em reunião entre secretário de Saúde de Goiânia, Rasível Santos, e a ministra da Saúde, Nizia Trindade. Foto: Marco Monteiro
Os detalhes do repasse foram definidos em reunião entre secretário de Saúde de Goiânia, Rasível Santos, e a ministra da Saúde, Nizia Trindade. Foto: Marco Monteiro

O Ministério da Saúde vai repassar recursos no valor total de R$ 18 milhões para o combate à dengue em Goiás. Em reunião entre o secretário estadual de Saúde, Rasível Santos, com a ministra da Saúde, Nizia Trindade, nesta terça-feira (20), ficou definido que o total será repassado em três parcelas, sendo a primeira delas paga ainda esta semana.

Os recursos fazem parte do plano de ação do governo federal contra a situação de epidemia de dengue em Goiás. Os recursos serão utilizados para intensificar as ações definidas pelo Gabinete de Combate às Arboviroses do Estado como manejo ambiental, assistência à saúde e regulação de leitos. O intuito é reduzir complicações evitáveis e óbitos pela doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.

O secretário de Saúde de Goiás destacou a importância da participação da população do estado na luta conta as arboviroses. “Precisamos cuidar de nossas casas. Ninguém precisa ter dengue, ninguém precisa morrer por dengue. E temos a convicção de que só vamos vencer esse mosquito com muita união”, afirmou Rasível.

Entre as ações realizadas frente à situação de aumento de casos suspeitos de dengue estão a aquisição de medicamentos para o tratamento de dengue e chikungunya, com distribuição de mais de R$ 270 mil em produtos como soros (cloreto de sódio injetado), dipirona sódica (comprimido, solução oral e injetável) e sais para hidratação para cerca de 100 municípios goianos.

No dia 3 de fevereiro, o Estado de Goiás declarou situação de emergência em saúde pública, depois que atingiu, por quatro semanas epidemiológicas consecutivas, a taxa de incidência de casos suspeitos de dengue acima do limite definido no Plano de Contingência Estadual para Arboviroses. Goiás está entre os seis estados do Brasil com mais casos de suspeita da doença.


Leia mais sobre: / / / Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.