22 de maio de 2024
Turismo • atualizado em 07/01/2024 às 16:53

Goiás investe em infraestrutura de trilhas ecológicas para caminhadas e cicloturismo

Outro atrativo que deve receber infraestrutura turística é o Caminho dos Goyazes, uma das grandes Trilhas de Longo Curso (TLCs) Nacionais
Nos últimos anos, o Caminho de Cora Coralina recebeu quase R$ 1,4 milhão em investimentos. (Foto: Goiás Turismo).
Nos últimos anos, o Caminho de Cora Coralina recebeu quase R$ 1,4 milhão em investimentos. (Foto: Goiás Turismo).

A estruturação de trilhas ecológicas para caminhadas e cicloturismo no estado é foco de investimento da Agência Estadual de Turismo (Goiás Turismo). Como destaque, está o Caminho de Cora Coralina, também conhecido como o único caminho de poesia do mundo, que atrai turistas de vários cantos.

Nos últimos anos, foram aplicados quase R$ 1,4 milhão em investimentos no trajeto, por meio de emendas federais, destinados a obras de melhoria de infraestrutura. Placas de sinalização e de poesia de Cora Coralina, além de pontos de descanso, foram instalados em todo o percurso.

No total, a trilha de longo curso liga 8 cidades goianas. São 300 km de cultura, poesia e natureza. Para quem deseja se aventurar, a trilha interliga os municípios, povoados, fazendas e atrativos, passando por antigos caminhos, numa rota turística para Caminhantes e Ciclistas.

A rota cruza as cidades de Corumbá de Goiás, Cocalzinho de Goiás, Pirenópolis, São Francisco de Goiás, Jaraguá, Itaguari, Itaberaí e Cidade de Goiás. “Tive o privilégio enorme de poder percorrer todos os 300 quilômetros do Caminho de Cora Coralina por 13 dias em abril de 2019. Experiência única, indescritível!”, disse Madalena Oliveira, de Brasília (DF), em depoimento ao site ‘Caminho de Cora’.

Caminho dos Goyazes

Outro atrativo que deve receber infraestrutura turística é o Caminho dos Goyazes, uma das grandes Trilhas de Longo Curso (TLCs) Nacionais, conectando três patrimônios mundiais: a cidade de Goiás, Brasília e Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros.

O percurso é composto por trilhas regionais menores, dentre elas, o Caminho de Cora Coralina, a Rota do Rio Areias e o Caminho dos Veadeiros. A rota relembra a estrada real que ligava Goiás a Minas Gerais na época da interiorização do Brasil. Com extensão prevista de 1.400 quilômetros, passa por 16 municípios e 21 comunidades, abrangendo 717 mil habitantes.

Segundo o presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, o Caminho dos Goyazes será um dos grandes destinos de ecoturismo. “Há muito o que se ver e fazer ao longo do Caminho e estamos buscando recursos para isso”, afirma. O projeto elaborado pela Goiás Turismo foi contemplado em edital do Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima (MMA).


Leia mais sobre: / / / / Cidades

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019