21 de julho de 2024
Indústria • atualizado em 09/07/2024 às 15:40

Goiás acumula superávit de R$ 3,6 bilhões no saldo da balança comercial

No levantamento referente apenas a junho de 2024, o saldo comercial goiano foi de US$ 724 milhões
Segundo a secretaria, o resultado é reflexo de US$ 6,3 bilhões em exportações e US$ 2,6 em importações. (Foto: Secom-GO).
Segundo a secretaria, o resultado é reflexo de US$ 6,3 bilhões em exportações e US$ 2,6 em importações. (Foto: Secom-GO).

Conforme dados de relatório da Superintendência de Comércio Exterior e Atração de Investimentos Internacionais, divulgados pela Secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Serviços (SIC), Goiás acumulou superávit de US$ 3,6 bilhões no saldo da balança comercial de janeiro a junho de 2024.

Segundo a secretaria, o resultado é reflexo de US$ 6,3 bilhões em exportações e US$ 2,6 em importações. No levantamento referente apenas a junho de 2024, o saldo comercial goiano foi de US$ 724 milhões, apresentando valores de exportação de US$ 1,1 bilhão e de importação de US$ 428 milhões.

No ranking nacional, o estado está posicionado em 8° lugar no quesito de exportações e na 11ª posição em relação às importações. “Os números refletem o compromisso do Governo de Goiás com a expansão econômica e a integração global, sendo o sucesso mais recente a instalação de uma base para comércio exterior na China”, afirmou o titular da SIC, Joel de Sant’Anna Braga Filho.

Traz prosperidade e oportunidades não apenas para o setor empreendedor do estado, mas para toda a população goiana.

Joel de Sant’Anna Braga Filho

Tanto no acumulado dos seis primeiros meses do ano quanto em junho, a China foi o principal destino das exportações goianas, representando 52,46% e 51,63% das parcerias no comércio exterior, respectivamente.

Referente aos produtos vendidos, destaca-se em junho o complexo soja (60,37%), carnes (14,16%) e ferroligas (6,06%); com Rio Verde sendo o maior município exportador de Goiás. Do outro lado, Anápolis é quem mais importa. No caso das importações, a China também é evidenciada como a maior parceira comercial de Goiás.

Balança comercial brasileira

No mês de junho de 2024, a balança comercial brasileira teve saldo positivo de US$ 6,7 bilhões, apresentando valores de exportações de US$ 29 bilhões e de importação de US$ 22,3 bilhões. No ranking dos estados que mais exportaram, tanto no período de janeiro a maio, quanto apenas no mês de junho de 2024, Goiás permanece na oitava posição.


Leia mais sobre: / / Economia / Notícias do Estado

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019