28 de fevereiro de 2024
Goiânia

Goiânia Noise Festival dará espaço para 23 bandas goianas

{nomultithumb}

O Goiânia Noise Festival, que será realizado nos dias 9, 10 e 11 de agosto, no Martim Cererê, traz dos 37 shows,  23 serão de bandas goianas. Com nomes já bem conhecidos da cena local como Mechanics, Two Wolves, Terra Cabula, Caboclço Roxo, Sheena Ye, Galo Power, Rollin Chamas e Ressonância Mórfica e revelações como Desert Crows, Gregor, Sê Bastião, Bad Distortion, Templates, Dergo, Burning Rage, Guerrilha dos Coelhos Mutantes e outros.

Além de nomes consagrados da música, novidades do rock independente brasileiro. Na sexta-feira, 9 de agosto, Mulamba e Ação Direta serão as responsáveis por fechar a noite.  Mas a programação deste dia tem nomes como os paulistas-gaúchos do Mustache & Os Apaches e os catarinenses do Somaa.

Clique aqui e veja a programação completa!

O Mustache é um grupo de forte apelo musical e cênico, formado por artistas de rua e que vem sendo festejado no circuito indie-MPB. Já o grupo Somaa foi formado em Joinville, a partir de outras bandas conhecidas da cidade, e lançou ano passado seu primeiro disco que figurou na lista dos melhores do ano em diversos sites como o Tenho Mais Discos que Amigos e Rifferama.

Já no sábado, Matanza Inc e Odair José sobem ao palco como principais atrações da noite, mas o público poderá conferir também surf rock, psychobilly, garage, noise e indie rock.

São nomes como as meninas do Time Bomb Girls, com uma baterista que toca em pé, os cearenses do Rocca, os baianos do Ivan Motosserra Surf Trash, a garageira Old Skull Guz e a mineira Bad Humans Noise.

E na última noite do Goiânia Noise Festival, que terá a banda Ratos de Porão como principal atração, dois nomes: Surra e o duo ítalo-brasileiro HateMoss, que é radicado na Inglaterra.

Nome de destaque do thrash metal na atualidade, o grupo Surra chega ao festival para mostrar seu novo disco, Escorrendo pelo Ralo, lançado este ano. Já o HateMoss apresenta uma mistura de pós-punk e electroclash que deve colocar muita gente para dançar.


Leia mais sobre: / / / / Goiânia