17 de maio de 2022
Economia

Fieg lança Missão empresarial à Rodada de Negócios e Feira Expocruz 2012

A Fieg, por meio de seu Centro Internacional de Negócios e Conselho Temático de Comércio Exterior, lança nessa quinta-feira (14), Missão Empresarial à Rodada de Negócios e Feira Expocruz 2012, que ocorrem em Santa Cruz de La Sierra, Bolívia, em setembro. A partir das 9 horas, na Casa da Indústria, serão apresentadas as oportunidades de negócios, o perfil dos mercados e informações essenciais sobre o evento, além das vantagens e condições de participação.

“Pela proximidade geográfica e pelo baixo custo do investimento para participar, a Rodada de Negócios na Bolívia é um dos melhores caminhos para as empresas brasileiras que queiram exportar, buscar fornecedores, parceiros e prospectar novos mercados”, afirma o gerente do CIN/Fieg, Plínio Viana. Para os participantes da missão, o pacote inclui – além das passagens aéreas, hospedagem e traslados – taxa de inscrição na Rodada, com valor diferenciado; ingressos à Feira Expocruz; mini curso sobre formação de preço e como participar das feiras internacionais; reunião preparatória para a missão e seminário; acompanhamento e orientação dos analistas do CIN/Fieg.

A Expocruz – Feira Internacional de Santa Cruz é o maior evento multissetorial da América Latina, a participação no encontro proporciona oportunidades de negócios não só com países da América Latina, mas também com grandes potências econômicas mundiais como EUA, China e Alemanha. Em 2011, contou com a participação de 19 Paises, mais de 500 mil visitantes e movimentação de US$ 87 milhões. Por ser multisetorial, abrange dezenas de setores: agricultura, pecuária e hortifruticultura, máquinas, equipamentos e implementos para agricultura e pecuária, alimentos e bebidas, materiais de construção e decoração, embalagens, produtos químicos, equipamentos elétricos e eletrônicos, indústria da madeira e mobiliário, têxteis e vestuário, indústria de papel e impressão, tecnologia da informação e  comunicação, jóias, bijuterias e ourivesaria, perfume, saúde e beleza, ferragens e ferramentas, tecnologia e equipamento industrial, trading company, fretes e transportes, turismo, hotelaria e restauração, construção civil, e outros.

Continua após a publicidade

Já a Rodada de Negócios funciona por meio de reuniões individuais entre empresários, sempre com o objetivo de fomentar negócios, fortalecer a divulgação institucional da marca, aumentar os contatos empresariais e trocar informações sobre tendências e mercados emergentes. Geralmente, são mais de mil empresas inscritas na Rodada, oriundas de diversos países, como Itália, Espanha, França, Alemanha, Estados Unidos e México, além de compradores de toda a América Latina. No ano passado, 1,1 mil empresas de 25 países participaram, gerando US$ 175 milhões em negócios. (Fieg)

Leia mais sobre:
Economia