07 de agosto de 2022
Eleições 2022

“Fez a melhor escolha”, diz Paulo Sérgio de Rezende sobre candidatura de Marconi Perillo

Ex-prefeito de Hidrolândia, que é pré-candidato a deputado estadual, acredita que Perillo tomou a decisão correta sobre disputar o Senado Federal
Sobre pedido de votos a candidatos da oposição para o governo Estadual, feito por Perillo, Paulo Sérgio reafirma: "o recado foi dado" (Foto: Reprodução)
Sobre pedido de votos a candidatos da oposição para o governo Estadual, feito por Perillo, Paulo Sérgio reafirma: "o recado foi dado" (Foto: Reprodução)

Nesta sexta-feira (05), em convenção do PSDB, foi oficializada a candidatura de Marconi Perillo ao Senado Federal. À ocasião, o ex-governador reforçou o pedido de voto nos candidatos a deputado federal e estadual da sigla. Entre eles, está o ex-prefeito de Hidrolândia, Paulo Sérgio de Rezende, que é pré-candidato a deputado estadual. Em entrevista ao Diário de Goiás, Paulo Sérgio avaliou de forma positiva a decisão tomada por Marconi Perillo.

“Ele tomou a decisão correta, sempre escutando todos os companheiros, sempre colocando as discussões entre o grupo que o acompanha. Acredito que ele está querendo proporcionar para o povo agora, aquilo que o que o povo deveria ter feito na eleição passada, que era elegê-lo senador”, pontuou.

Segundo ele, o ex-governador fez a melhor escolha ao concorrer ao Senado Federal. “O Marconi representa muito para o estado de Goiás e tenho certeza que com a eleição dele, só quem ganha é o estado. Ele fez a melhor escolha, ouviu todo mundo, dentro das composições e nós vamos seguir o caminho dos deputados federais, estaduais, e ele, para senador”, destacou Paulo Sérgio.

Continua após a publicidade

Questionado sobre como avalia Marconi Perillo ter pedido votos à candidatos da oposição para o governo do Estado, o ex-prefeito de Hidrolândia defende que o recado foi dado. “Avalio que hoje não houve as composições que deveriam ser feitas, mas que nós somos oposição ao governo que aí está, ele deu o recado. Temos bons nomes, tem nome do PT, tem o Gustavo Mendanha, tem o Vitor Hugo. Nós vamos escolher dentre esses três, aquele que tiver as melhores propostas para a gente poder trabalhar em conjunto”, afirmou.

Com relação ao próprio voto, Paulo Sérgio afirma que já tem o seu candidato, mas que está aberto a ouvir propostas. “Já tenho meu candidato, vou ouvir alguns agora, conhecer as propostas para ver se conseguem mudar meu sentimento. Se não conseguirem, vou seguir na minha linha. Isso é a democracia do partido”, finalizou.

LEIA TAMBÉM: Agexp apoia Mendanha para governador e Marconi para senador (diariodegoias.com.br)

Continua após a publicidade