27 de maio de 2024
Cidades

Feriado de Natal tem nove mortes nas rodovias federais em Goiás

Acidente em Rianápolis matou três da mesma família. (Foto: PRF)
Acidente em Rianápolis matou três da mesma família. (Foto: PRF)

Nove pessoas morreram durante o fim de semana do Natal nas rodovias federais que cortam Goiás. O balanço da operação, que começou na quinta-feira (23) e acabou no domingo (26), foi divulgado na manhã desta segunda-feira (27) pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Os primeiros acidentes fatais foram registrados na sexta-feira. Primeiro, um ônibus da Real Expresso caiu numa ribanceira na BR-153, em Aparecida de Goiânia, e parou num córrego. Houve seis mortes e 35 feridos.

Na noite da véspera de Natal, por volta de 19h40, um carro de passeio e um caminhão se chocaram, culminando na morte de três pessoas da mesma família, em Rianápolis, na região central do estado. Conforme a PRF, um VW GOL, conduzido pelo pai (46) e tendo como passageiros a mãe (43) e o filho do casal, de nove anos de idade, tentou realizar uma ultrapassagem e colidiu de frente com um caminhão que seguia no sentido oposto.

A família que estava no veículo saiu do Gama, no Entorno do Distrito Federal, e passaria o natal com familiares no município de Nova América. Não chovia no momento do acidente e a pista estava seca.

Infrações

Segundo a PRF, mais de 6 mil pessoas e 5,7 mil veículos foram fiscalizados nesses quatro dias. Destes, 2,4 mil motoristas fizeram o teste do bafômetro, das quais 89 foram flagrados dirigindo alcoolizados, ou seja, 3,7% do total.

Durante os quatro dias a PRF flagrou 1.565 infrações de trânsito nas rodovias federais goianas, dentre as quais 450 foram ultrapassagens indevidas.

De quinta a domingo a PRF registrou 21 acidentes, 62 feridos e nove mortes nas rodovias federais que cortam Goiás. No ano passado, no período de 24 a 27 de dezembro, foram registrados 27 acidentes, que deixaram 27 pessoas feridas.

Balanço – Natal:

21 acidentes
62 feridos
9 mortes

1.565 flagrantes de infrações, sendo:

450 – ultrapassagens proibidas
89 – embriaguez ao volante
98 – não uso do cinto de segurança
24 – sem dispositivo de retenção para crianças (cadeirinha)

6.138 pessoas fiscalizadas
5.740 veículos fiscalizados


Leia mais sobre: / / / / Cidades