24 de maio de 2024
Xenofobia

Expulso do partido, vereador que fez comentário contra baianos é processado em R$ 250 mil

Fala foi feita ao falar de trabalhadores mantidos em situação similar à escravidão
Vereador que fez comentário contra baianos é processado. (Foto: Reprodução / Vídeo)
Vereador que fez comentário contra baianos é processado. (Foto: Reprodução / Vídeo)

Após ser expulso do Patriotas nesta quarta-feira (1°), o vereador Sandro Fantinel, de Caxias do Sul -RS, que fez discurso xenofóbico contra os baianos, também foi processado em R$ 250 mil. As informações são do site UOL.

No processo, o Ministério Público Federal (MPF), pede que o valor seja destinado a projetos e campanhas contra o trabalho escravo e a xenofobia ou a iniciativas em Caxias do Sul que promovam a cultura baiana.

No último dia 28 de fevereiro, Fantinel usou a tribuna da Câmara de Vereadores para pedir que os produtores da região “não contratem mais aquela gente lá de cima”, se referindo aos baianos, já que a maioria dos trabalhadores contratados para a colheita da uva são da Bahia.

Ainda no discurso preconceituoso, o vereador sugere que se dê preferência a empregados vindos da Argentina, que, segundo ele, seriam “limpos, trabalhadores e corretos”.

Vale lembrar que no dia 22 de fevereiro, trabalhadores foram resgatados em situação análogo à escravidão na serra gaúcha. Eles trabalhavam para a empresa Oliveira & Santana, que presta serviços terceirizados para vinícolas de Bento Gonçalves, como Aurora, Santon e Garibaldi.

Em nota, as três empresas dizem que não tinham conhecimento da situação relatada pelos trabalhadores e que repudiam violações de direitos humanos.

Para tentar justificar o discurso preconceituoso, o vereador disse que sua intenção era prestar “solidariedade” aos empresários e produtores rurais. Segundo ele, sua verdadeira intenção, ao subir na tribuna, era alertar para possíveis fraudes, quando trabalhadores inventariam más condições de trabalho.

“Eu toquei no nome dos baianos porque o processo que está correndo em Bento Gonçalves foi com os baianos. Se tivesse sido com os mineiros, eu teria falado sobre mineiros. Não tenho nada contra os baianos, pelo contrário. Tive nas praias de lá, é maravilhoso”, disse.

Após o ocorrido, o Patriotas expulsou o parlamentar. De acordo com a legenda, o pronunciamento de Fantinel foi “desrespeitoso e inaceitável” e “está maculado por grave desrespeito a princípios e direitos constitucionalmente assegurados, à dignidade humana, à igualdade, ao decoro, à ordem, ao trabalho”.


Leia mais sobre: / / Política

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.