16 de julho de 2024
Homicídio • atualizado em 13/06/2024 às 15:06

Exame confirma que corpo encontrado decapitado em Valparaíso é de jogador de Novo Gama

As suspeitas de que o corpo encontrado no limite de Valparaíso e Novo Gama no final de maio fossem do jogador Thavisson Mendes foram confirmadas por DNA
Thavisson Mendes era jogador de futebol amador pelo Novo Gama e estava desaparecido. Foto: Reprodução/Redes Sociais
Thavisson Mendes era jogador de futebol amador pelo Novo Gama e estava desaparecido. Foto: Reprodução/Redes Sociais

O exame de DNA confirmou que o corpo encontrado decapitado, no dia 30 de maio, no limite entre os municípios de Valparaíso e Novo Gama é do jogador Thavisson Mendes da Silva. O atleta atuava no futebol amador e estava desaparecido.

De acordo com informações da Polícia, o corpo foi encontrado decapitado e já em estado avançado de decomposição. Devido a essas condições, precisou de exame mais detalhado do Instituto Médico Legal (IML) para que a identidade fosse confirmada. O laudo divulgado nesta quarta-feira (12) atesta que se tratava mesmo do jogador.

Conforme o delegado Taylor do Nascimento Brito, titular do GIH de Novo Gama, desde o início das investigações, as suspeitas principais eram de que o corpo seria de Thavisson, visto que o jovem foi visto pela última vez na região próxima onde foi encontrado. “Diante dessas informações, solicitamos que parentes do Thavisson fossem até o IML a fim de realizar a coleta de DNA para confronto com o corpo encontrado. Hoje (12/06), recebemos o resultado do laudo, que atestou positivo como sendo o corpo de Thavisson”, relatou o delegado.

Segundo o titular da GIH, constatada a identidade da vítima, a polícia atua agora na solução do caso, investigado como assassinato.”O grupo de investigação de homicídio continua com as investigações
com o fim de definir a autoria do fato que, em tese, se amolda homicídio”, detalhou o delegado Taylor.


Leia mais sobre: Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Atualmente atua como repórter de cidades, política e cultura. Editora da coluna Crônicas do Diário. Jornalista formada pela FIC/UFG, Bióloga graduada pelo ICB/UFG, escritora, cronista e curiosa. Estagiou no Diário de Goiás de 2022 a 2024.