15 de junho de 2024
Destaque Nacional

Estudantes da rede estadual de Goiás têm maior média na Redação do Enem

Estudantes de Goiás alcançaram média acima da nacional na Redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2023)
Segundo o levantamento, a média dos goianos foi de 573,8, enquanto a do Centro-Oeste foi de 568,4 e a nacional, de 567,8 pontos. (Fotos: Seduc-GO)
Segundo o levantamento, a média dos goianos foi de 573,8, enquanto a do Centro-Oeste foi de 568,4 e a nacional, de 567,8 pontos. (Fotos: Seduc-GO)

Conforme dados divulgados esta semana pelo Ministério da Educação, os alunos da rede pública estadual de Educação de Goiás alcançaram média acima da nacional na Redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2023). Segundo o levantamento, a média dos goianos foi de 573,8, enquanto a do Centro-Oeste foi de 568,4 e a nacional, de 567,8 pontos.

A média alcançada pelos alunos da rede estadual de Goiás na Redação do Enem cresceu no último ano, saltando de 549,1 pontos, em 2022, para 573,8, em 2023. “Essas notas mostram a capacidade de entendimento e desenvolvimento do tema proposto na Redação do Enem, dos nossos estudantes e o relevante trabalho dos nossos professores”, afirma a diretora pedagógica da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), Alessandra Almeyda.

“Avançamos mais de 24 pontos”, destaca a secretária de Estado da Educação, Fátima Gavioli. A secretária também destaca que “em meio aos bons resultados, a determinação do governador Ronaldo Caiado quanto à importância da promoção da equidade na Educação pública estadual que, desde 2019, busca garantir o acesso e condições de igualdade para os estudantes como missão principal do Governo de Goiás.”

Para a avaliação da nota do Enem, o MEC aplica cinco critérios:

  • domínio da escrita formal da Língua Portuguesa;
  • compreensão do tema;
  • organização das ideias;
  • coesão e coerência;
  • e proposta de intervenção.

Enem 2024

As inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024 seguem até a próxima sexta-feira, dia 14 de junho. A informação foi divulgada por meio das redes sociais, com o objetivo de ampliar as oportunidades. Para se inscrever, os estudantes devem acessar a Página do Participante e utilizar o cadastro na conta gov.br.

A taxa de inscrição é no valor de R$ 85 e o pagamento pode ser feito por meio de pix, cartão de crédito, débito, em conta corrente ou poupança e por boleto, emitido na Página do Participante, onde também consta o QR Code.


Leia mais sobre: / / Educação / Notícias do Estado

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019