logomarcadiariodegoias2017

Hélio dos Anjos. (Foto: Goiás Esporte Clube)
helio dos anjos

Após o empate com o Avaí em Florianópolis, o técnico Hélio dos Anjos enalteceu a entrega do grupo esmeraldino. O Após o empate com o Avaí em Florianópolis, o técnico Hélio dos Anjos enalteceu a entrega do grupo esmeraldino. O comandante evitou lamentar o gol sofrido aos 47 minutos pelo atacante Rodrigão que trouxe a igualdade do placar (2x2), no Estádio da Ressacada.

"O time foi tecnicamente muito bem. Não contamos com Madison e Léo Sena, mesmo assim o time não sentiu. Isso é a força e a qualidade do grupo. Estivemos na frente em duas oportunidades, pecamos em pequenos detalhes. Tivemos a infelicidade no lance da falta do é minha, é sua, vai na bola. Vou esquecer o resultado e vou pensar na performance da equipe. Foi um retrato do que será a Série B".

O jogo da volta contra o Avaí pela Copa do Brasil acontece na próxima quarta-feira (18), as 19h30, no Serra Dourada. Antes, o Verdão enfrenta o CSA, pela 1ª Rodada do Campeonato Brasileiro da Série B - partida programada para sábado (14), as 16h30, no Estádio Rei Pelé, em Maceió.

Hélio dos Anjos mostrou otimismo em relação a presença da torcida nos próximos compromissos do Goiás Esporte Clube em casa. "O torcedor do Goiás com o título no Goiano e com essa performance na Copa do Brasil vai fazer sua parte. Precisamos de 25 mil pessoas na volta contra o Avaí e na sequência diante do Figueirense na Série B. As dificuldades serão grandes e precisamos de apoio. Vamos fazer do Serra Dourada como em 99. A segunda divisão é um momento e não a realidade do Goiás".

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

SEARCH