logomarcadiariodegoias2017

Eduardo Bandeira. (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)
eduardo bandeira

O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, foi mais um integrante do clube a disparar contra a arbitragem após o empate por 2 a 2 com o Vitória, neste sábado (14), em Salvador.

O mandatário se mostrou indignado e deixou claro que o clube tem sido prejudicado com frequência pelos erros dos juízes.

"O erro é sempre contra o Flamengo. São erros humanos, mas que acontecem sempre contra nós. É uma pena que não temos o árbitro de vídeo. Se tivéssemos, ficariam claros os lances que estou comentando aqui", afirmou.

Questionado sobre as medidas que o Flamengo tomará a partir de agora, o mandatário citou a necessidade da implantação do árbitro de vídeo e afirmou que irá à CBF protestar formalmente.

"Espero que não demore para o árbitro de vídeo aparecer. As coisas estão caminhando nessa linha. É um instrumento que busca minimizar os erros. Se já estivesse valendo, não teríamos o prejuízo. Foram dois pontos perdidos para sempre", disse.

"Pretendo ir à CBF. Fui várias vezes lá. Vocês [jornalistas] que precisam avaliar se adianta ou não. É a minha obrigação fazer um protesto formal. Se vai adiantar, veremos. Não dá para voltar atrás", encerrou.

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

SEARCH