14 de junho de 2024
Esportes

Espanha e Brasil empatam em amistoso de seis gols no Santiago Bernabéu

Espanha 3x3 Brasil - Amistoso (Foto - Rafael Ribeiro)
Espanha 3x3 Brasil - Amistoso (Foto - Rafael Ribeiro)

A Seleção Brasileira reagiu, buscou o empate duas vezes no segundo tempo e fez por merecer o 3 a 3 com a Espanha em partida disputada nesta terça-feira (26), no Santiago Bernabéu, em Madri. O amistoso, que adotou o slogan “Uma Só Pele; Uma Só Identidade”, faz parte de uma campanha global de combate ao racismo promovida pela CBF e pela Real Federação Espanhola de Futebol.

Vinícius Júnior foi uma atração à parte. Ele deixou o campo aos 25 minutos do segundo tempo aplaudido de pé pelos torcedores que lotaram o Santiago Bernabéu. A campanha contra o racismo surgiu por causa dos atos cometidos repetidamente contra Vinícius Júnior ao longo das últimas temporadas na Espanha.

O Jogo

Credenciada pela vitória sobre a Inglaterra por 1 a 0, em Londres, no sábado (26), a Seleção Brasileira fez a sua primeira partida no Santiago Bernabéu. Teve um início irregular, muito pressionada pelo time espanhol, que abriu o placar aos 12 minutos, de pênalti. Rodri cobrou bem e enganou o goleiro Bento.

Pênalti

Toda a comissão técnica e jogadores da Seleção Brasileira reclamaram bastante da marcação do pênalti. Pelas imagens da TV, a impressão é que João Gomes apenas tenta bloquear o adversário, sem fazer falta. O jogo não contava com VAR (árbitro de vídeo).

A primeira chegada do Brasil na área da Espanha foi aos 16 minutos numa boa jogada individual de Rodrygo, que passou por dois marcadores e tocou a bola para Vinícius Jr. Na sequência, o goleiro Unai Simón fez a defesa.

Segundo gol espanhol

A Seleção tinha dificuldades na articulação das jogadas e continuava sob pressão quando a Espanha marcou o segundo: um gol muito bonito de Olmo, que driblou Beraldo e Bruno Guimarães antes de finalizar.

Reação – gol de Rodrygo

O jogo já se encaminhava para o fim do primeiro tempo quando Rodrygo recebeu um presente de Unai Simón, que errou na saída de bola. O atacante do Real Madrid não desperdiçou a oportunidade e também fez um golaço, encobrindo o goleiro.

Espanha x Brasil – Amistoso no Santiago Bernabéu (Foto – Lucas Ribeiro)

Mudanças

O técnico Dorival Júnior fez quatro alterações no intervalo. Trocou Bruno Guimarães por André, substituiu Danilo por Yan Couto, tirou João Gomes para escalar Andreas Pereira e levou a campo Endrick, que entrou na vaga de Raphinha.

Gol de Endrick

As mudanças surtiram efeito e o Brasil voltou com outro ímpeto. Aos 4 minutos, após a cobrança de um escanteio, a bola sobrou para Endrick, que girou o corpo e chutou de esquerda, sem defesa para Unai Simón.

Foi o segundo gol dele com a camisa da Seleção Brasileira. No sábado, na estreia de Dorival Júnior no comando da equipe, o Brasil venceu a Inglaterra por 1 a 0 com gol do jovem atacante, de 17 anos.

Quase a virada

Depois do empate, o Brasil teve a chance da virada, numa arrancada de Rodrygo pela direita. Unai Simón evitou o gol ao esticar o braço.

Aos 22, Endrick lançou Vinícius Jr em outro grande lance, mas o goleiro Unai Simón se antecipou, deu uma de zagueiro e evitou o pior para a Espanha.

Sai Vinícius Jr


Dorival sacou Vinícius Jr aos 35 minutos, dando vez a Douglas Luiz, num momento em que o estádio todo reverenciou o camisa 7 da Seleção Brasileira e, aos 35, botou Galeno no lugar de Rodrygo. O jogo parecia com o placar definido, embora a Espanha levasse perigo em vários ataques – em pelo menos quatro deles, o goleiro Bento se saiu muito bem

Outro pênalti

Aos 39, Beraldo disputou limpamente uma bola com Carvajal, que caiu dentro da área. O árbitro de novo marcou pênalti, para uma enxurrada de reclamações dos brasileiros. Para piorar, ainda deu cartão amarelo para Beraldo. Rodri cobrou novamente e fez 3 a 2.

Nova reação, gol de Paquetá

Errou quem imaginava que a Seleção Brasileira acusaria o golpe. A equipe prosseguiu lutando até o fim e conseguiu o empate também num pênalti, por sinal, bastante claro. Galeno foi derrubado na área após um escanteio. Paquetá, aos 50 minutos, bateu com categoria e fechou o placar: 3 a 3.

Escalação

A Seleção Brasileira jogou com: Bento, Danilo (Yan Couto), Fabrício Bruno, Beraldo e Wendell; Bruno Guimarães (André), João Gomes (Andreas Pereira) e Paquetá; Vinícius Jr (Douglas Luiz), Rodrygo (Galeno) e Raphinha (Endrick).

(Conteúdo – CBF)


Leia mais sobre: / / Esportes