28 de maio de 2024
Articulações políticas • atualizado em 25/04/2024 às 14:53

“Errei quando coloquei um vice que eu gostaria de ter”, avalia Mabel sobre perfil para chapa

O pré-candidato afirma que a escolha será embasada em pesquisas qualitativas e na opinião popular
Em entrevista a Altair Tavares, Sandro Mabel faLou sobre as articulações para escolha do vice. Foto: Alex Malheiros/ Fieg
Em entrevista a Altair Tavares, Sandro Mabel faLou sobre as articulações para escolha do vice. Foto: Alex Malheiros/ Fieg

Sandro Mabel se arrependeu da postura precipitada em relação à escolha de seu vice. Ainda sem um nome definido para o posto e sondando o terreno, o pré-candidato a prefeito de Goiânia destacou que errou ao colocar um “vice que gostaria de ter”. 

Em entrevista ao editor do Diário de Goiás, Altair Tavares, Sandro Mabel transferiu a responsabilidade da escolha para a opinião popular. “Nós temos que perguntar o que o goianiense quer”, disse. 

Ao que tudo indica, a definição não será rápida, já que depende das pesquisas qualitativas, que de acordo com o pré-candidato, serão realizadas no final deste mês. “Nós vamos fazer no final de maio umas pesquisas qualitativas”, destacou.

Entre os nomes já apontados e especulados estão Ana Paula Rezende, que já descartou possibilidade de pré-candidatura como prefeita, Romário Policarpo (Patriota), presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Bruno Peixoto (UB), presidente da Assembleia Legislativa de Goiás (Alego) e Paulo Ortegal (MDB), que foi muito ligado a Iris Rezende. 

Diante do perfil apontado nas pesquisas, a sondagem será finalizada, segundo Sandro.“Se fizermos uma pesquisa, nós vamos entender o modelo que o goianiense quer de vice-prefeito. Ele quer o quê? Um homem ou uma mulher? Ele quer que seja gestor também? Ele quer que a pessoa seja mais ligada à gestão ou à área social? Então vamos entender o tipo de vice”, elaborou Mabel. 

Em sua análise, Mabel destacou ainda que não cabe somente a ele escolher um vice, conforme suas convicções próprias. “Eu errei quando coloquei um vice que eu gostaria de ter”, confessou o pré-candidato de Caiado.


Leia mais sobre: / / / Eleições 2024 / Política

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.