28 de maio de 2024
PIONEIROS

Equoterapia: entenda a terapia com cavalos que auxilia no tratamento de pacientes do Crer

Processo de equoterapia é realizado em parceria com a Polícia Militar, que arca com o cuidado e treinamento dos animais
Método garante atendimento de 160 pacientes por mês, entre adultos e crianças. (Foto: Juliana Saran/Agir)
Método garante atendimento de 160 pacientes por mês, entre adultos e crianças. (Foto: Juliana Saran/Agir)

O Centro de Reabilitação e Readaptação Dr. Henrique Santillo (Crer), pioneiro no serviço de equoterapia em Goiás, garante atendimento de 160 pacientes por mês, entre adultos e crianças. O processo de terapia com cavalos é realizado em parceria com a Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO), que arca com o cuidado e treinamento dos animais.

Um exemplo que recebe tratamento pela terapia com cavalos é a pequena Mariana Alves, de apenas cinco anos, diagnosticada com a síndrome rara de West, Transtorno do Espectro Autista (TEA) e atraso do desenvolvimento neuropsicomotor. A menina recebe tratamento há quatro anos e sua evolução é nítida e contínua.

A mãe de Mariana, Vanessa Cristina Resende, afirma que os benefícios da equoterapia são maravilhosos, trabalhando a mente e o corpo. “A evolução da Mariana foi total: na fala, no comportamento, tudo mudou bastante, e hoje ela interage e socializa com os profissionais e com as outras crianças. O Crer significa muito para a gente, e eu sou muito grata a tudo, não tenho nada a reclamar, só agradecer”, disse.

De acordo com a supervisora multiprofissional de Terapias de Apoio do Crer, Karla Lorena Mendonça Campos, a equoterapia trabalha para a recuperação de muitos pacientes, proporcionando atendimento individualizado em um local diferente do ambiente hospitalar “que traz vários benefícios por ser um método terapêutico que emprega o cavalo como agente promotor de melhorias de nível físico e intelectual”.

A equoterapia é indicada para pacientes com alguma doença que compromete a parte motora e/ou psíquica. Os atendimentos de equoterapia são realizados por profissionais qualificados, com formação nas áreas de fisioterapia, terapia ocupacional, fonoaudiologia e psicologia.


Leia mais sobre: / / / Cidades

Maria Paula

Jornalista formada pela PUC-GO em 2022 e MBA em Marketing pela USP.