25 de julho de 2024
Enem 2023

Enem 2023: Saiba como se preparar para o Exame

Marcado para os dias 5 e 12 de novembro, o exame será realizado em dois domingos consecutivos
Para uma boa prova, é preciso ter algumas boas práticas na hora de se preparar (Divulgação)
Para uma boa prova, é preciso ter algumas boas práticas na hora de se preparar (Divulgação)

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) será realizado em 2023 nos dias 5 e 12 de novembro. A avaliação é uma grande oportunidade de ingressar em instituições de ensino superior renomadas, por isso, é preciso ter algumas boas práticas na hora de se preparar.

O conteúdo que será cobrado no Enem é formulado de acordo com a Matriz de Referência do Enem. O documento apresenta as diretrizes de conteúdos que são abordados e contemplados na avaliação. A matriz é a mesma desde 2009, porém a previsão é de que no próximo ano ela sofra alterações. Muito além do conteúdo, é preciso se atentar aos aspectos práticos para a realização da prova.

Documentação necessária, o que pode ou não levar no dia e atenção aos horários são indispensáveis para fazer uma boa prova. No primeiro dia de prova, os participantes fazem as questões de Linguagens e Códigos, Ciências Humanas e redação. No segundo dia, de Ciências da Natureza e Matemática. Nos dois dias, a abertura dos portões será às 12h e o fechamento às 13h, pelo horário de Brasília. O início da prova está marcado para as 13h30 nos dois dias de prova. No dia 5 as provas se encerram às 19 horas e no dia 12, às 18h30.

O que levar no dia da prova do Enem

Existem algumas coisas que o candidato obrigatoriamente deve levar no dia do Enem, e outras são opcionais. É obrigatório levar caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente e documento de identificação válido, físico ou digital.

Os documentos considerados válidos são as cédulas de Identidade, identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros, documento provisório de Registro Nacional Migratório, identificação fornecida por ordens ou conselhos de classes que, por lei, tenham validade como documento de identidade, Carteira de Registro Nacional Migratório, passaporte e Carteira Nacional de Habilitação.

Alguns documentos digitais também serão aceitos, como e-Título, Carteira Nacional de Habilitação Digital e RG Digital. É válido destacar que capturas de telas não serão aceitas e somente serão aceitos documentos digitais dos aplicativos oficiais. É aconselhável para o candidato levar o seu cartão de confirmação de inscrição e se caso precise justificar presença deve levar a sua declaração de comparecimento impressa.

A alimentação importa

Ter atenção ao que se come na véspera e no dia da prova também é importante. E o reflexo de uma má alimentação pode afetar o desempenho do aluno. No café da manhã, a sugestão é fazer uma refeição reforçada.

Além da alimentação, a hidratação precisa estar em dia. Porém é aconselhavel não deixar para tomar muito líquido pouco tempo antes da prova, para evitar precisar ir ao banheiro constantemente.

Além da água, o participante também pode e deve levar um lanche para comer durante a aplicação da prova. O ideal é levar frutas leves e fáceis de comer, barras de cereal e variações de castanhas.

Proibições

Os candidatos precisam respeitar algumas proibições para a realização da prova. Entre elas, portar bebidas alcoólicas e usar drogas ilícitas ou cigarros e outros derivados do tabaco no ambiente de provas.
Além disso, serão eliminados os participantes que tiverem itens fora do envelope porta-objetos, como óculos escuros, boné, chapéu, caneta de material não transparente, lápis, lapiseira, borrachas, réguas, corretivos, livros, anotações, relógio de qualquer tipo, fones de ouvido e quaisquer dispositivos eletrônicos.

Lembrando que o envelope porta-objetos será fornecido aos alunos antes de entrar nas salas de prova. O envelope deve ser mantido embaixo da carteira, com os aparelhos eletrônicos desligados.


Leia mais sobre: / / / / Geral / Variedades

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019