25 de maio de 2022
Eleições 2012

Em Trindade, pesquisa mostra empate técnico entre os candidatos

Estamos próximos dos 45 minutos do segundo tempo e o jogo segue empatado em Trindade. Está tudo igual para Ricardo Fortunato (PMDB), Jânio Darrot (PSDB) e Flávia Morais (PDT). Ou melhor, está tudo quase igual. Segundo dados da pesquisa Serpes/OPopular, divulgados nesta Terça, 18, o cenário é de empate técnico entre os candidatos. A grande diferença aparece na rejeição, onde o atual prefeito desponta na liderança.

Os números do levantamento indicam que Flávia Morais tem 28,9% das intenções de voto. Fortunato é apontado por 27,7% dos entrevistados, e Jânio Darrot, por 27,4%. A diferença entre o primeiro e o terceiro colocado é de 1,5 ponto percentual, inferior à margem de erro, que é de 4,89 pontos para mais ou para menos.

No levantamento estimulado, 14% dos entrevistados afirmam não saber ainda em quem votar. Apenas 2% optam pela anulação do voto.

Continua após a publicidade

Na pesquisa espontânea, em que não são apresentadas as opções para o eleitor, a diferença é ainda menor. A pedetista e o peemedebista aparecem com 24,4% das indicações, contra 24,2% do tucano.

Entre os candidatos mencionados pelos eleitores como naquele em que não votariam de jeito nenhum, Fortunato se destaca. É rejeitado por 37,2% dos entrevistados, contra 21,9% de Darrot e 12,7% de Flávia; 32,2% dos entrevistados não rejeitam ninguém, 3,5% não souberam responder.

A disputa segue acirrada. A decisão pode ficar para os pênaltis, no cara a cara entre eleitor e candidato. Até lá, é passeata em todos os cantos da cidade. Um morador do município apontou ao Diário de Goiás o que seria a sensação do eleitorado: “Nunca estivemos tão próximos destes políticos. Toda hora tem um passando na porta da minha casa.”

Continua após a publicidade

A pesquisa Serpes foi realizada entre os dias 12 e 16 de setembro e ouviu 401 moradores de Trindade. Está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo 002227/2012.

Leia mais sobre:
Eleições 2012