28 de fevereiro de 2024
Prioridades • atualizado em 06/02/2023 às 15:42

Em reunião com Governo Federal, Caiado vai debater entorno do DF e criação de BRT na região

Para governador, é urgente que seja criado uma linha de BRT entre Santa Maria e Luziânia
O governador Ronaldo Caiado, durante apresentação dos novos chefes de segurança nesta segunda-feira (06) (Foto: Governo de Goiás)
O governador Ronaldo Caiado, durante apresentação dos novos chefes de segurança nesta segunda-feira (06) (Foto: Governo de Goiás)

O governador Ronaldo Caiado (União Brasil) vai priorizar na série de agendas com o Governo Federal que terá ao longo da semana no institucionalização da Região Metropolitana do Entorno, aprovada pela Alego no começo deste ano, o que possibilitará a criação de um BRT que vai conectar a cidade de Santa Maria à Luziânia. A declaração foi feita nesta segunda-feira (06/02), durante a posse dos novos membros da Segurança Pública.

Caiado vai se reunir com a cúpula do Exército para discutir obras que possam ser tocadas conjuntas e também terá audiência com o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT), que de acordo com o democrata, já está ciente das demandas que as cidades goianas no entorno do Distrito Federal precisam.

LEIA TAMBÉM: Novo delegado-geral da PCGO foca no combate ao feminicídio: “É inadmissível existir tantos crimes violentos contra as mulheres”

“Uma das obras que estamos identificando relevante para Goiás é o BRT de Santa Maria, divisa do Distrito Federal até a cidade de Luziânia. Isso vai dar dignidade a pessoa. Ele vai andar de primeira classe da cidade de Brasília até Santa Maria e quando chega ali, tem aquilo que se tem de pior”, pontuou. 

De acordo com Caiado, a realidade no transporte intermunicipal do entorno é precária. “Tanto em transporte como também no tempo de espera para que ele possa chegar em sua residência. Isso não é concebível. Então, existe a necessidade de se criar uma secretaria que terá ação conjunto com o Governo”, pondera ressaltando a necessidade da criação da Secretaria do Entorno do Distrito Federal neste contexto, já aprovada no texto da reforma administrativa.

Secretária do entorno será fundamental para conexão de demandas com o Governo Federal.  Apesar de tudo, Caiado ainda não bateu o martelo com relação ao nome que irá comandar a pasta. “Eu farei uma consulta a todos os prefeitos daquela região para que possamos chegar a um ponto de entendimento. Não é apenas a escolha do governador”, pontua. 

Por isso, vai atrás de prefeitos e de lideranças da região. Caiado destaca que tem de haver consenso entre todos. “Tem de ter a convergência e o apoio dos prefeitos e das lideranças locais para que haja um representante capaz de expressar o sentimento dali e ao mesmo tempo tenha um contato direto e habilidade para levar a pauta e os assuntos prioritários junto ao Governo Federal e Estadual”, pontua.


Leia mais sobre: / / / Política

Domingos Ketelbey

Jornalista e editor do Diário de Goiás. Escreve sobre tudo e também sobre mobilidade urbana, cultura e política. Apaixonado por jornalismo literário, cafés e conversas de botequim.