28 de fevereiro de 2024
Destaque 2

Em incentivo à agenda cultural, governo de Goiás entrega Selo do Artesanato Goiano a quatro artesãos

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O Governo de Goiás entregou nesta terça-feira (24/11) os primeiros Selos do Artesanato Goiano a quatro artistas. A cerimônia foi realizada no auditório do Rio Quente Resorts & Parques, em Rio Quente. Os artesãos Juão de Fibra, Fatinha de Olhos d’Água, Maria Helena e Caubi Felipe receberam a certificação de origem do trabalho artesanal das mãos da coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado, do secretário da Retomada, César Moura, e do presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral.

Segundo César Moura, o Selo do Artesanato tem como objetivo incentivar o aperfeiçoamento do trabalho manual, do design e de práticas mercadológicas. “O governador Ronaldo Caiado tem uma grande preocupação com a valorização de tudo aquilo que representa a cultura goiana. E o selo contempla isso. Além de ser uma forma de reconhecimento dos artesãos goianos, este certificado atua na proposta de estímulo à profissionalização e melhoria da identidade estética, da iconografia, do design e da gestão do artesanato produzido em Goiás”, destacou.

A artesã Fatinha de Olhos D’Água celebrou a conquista depois de “muita luta” dos artesãos para sustentarem suas famílias a partir do trabalho manual. “Temos orgulho de dizer: nós temos selo e não é só o selo, vai significar vendas. Um dia falei para dona Gracinha: ‘nós em Goiás estamos órfãos’, e agora não estamos mais. Temos madrinha, temos equipe e não tenho como dizer aqui o tamanho da satisfação, não só por mim, mas por todo artesanato goiano”, pontuou.

Após a entrega dos selos aos artesãos, houve a assinatura de um protocolo de intenções entre o Governo de Goiás e o Rio Quente Resorts & Parques para a abertura de uma loja do artesanato goiano dentro do complexo de hospedagem. O documento foi assinado pela primeira-dama Gracinha Caiado, o secretário da Retomada, César Moura, o presidente da Goiás Turismo, Fabrício Amaral, a diretora-geral da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), Adryanna Melo Caiado, e o gerente de relações institucionais do Rio Quente Resorts & Parques, Munir Calaça.

A primeira-dama destacou a relevância do trabalho integrado entre o Estado e a empresa de hospedagem e lazer. “Quero buscar mais parcerias envolvendo o artesanato para que a gente possa mostrar que é real, é uma realidade, você ter um complexo tão rico como esse aqui estendendo a mão para aquelas pessoas que vivem numa vulnerabilidade maior. Acredito que é possível e hoje estamos dando aqui o primeiro passo para que isso se torne realidade”, ressaltou.

A coordenadora do GPS reforçou o cunho social das ações desenvolvidas pelo Governo de Goiás.

“Todas as vezes que uma empresa tem o olhar social, ela tem em mim uma parceira para trabalhar junto ao governador Ronaldo Caiado, a todos os secretários, para mostrar que essa parceria é saudável, que o empresário se preocupe com esse resgate, essa sociedade querendo trabalhar juntos”, concluiu ela.


Leia mais sobre: Destaque 2 / Política