17 de abril de 2024
Convenção • atualizado em 22/04/2023 às 15:55

Em evento religioso, ministro diz que Lula é um homem de Deus: “A igreja vai ajudar”

O governador Ronaldo Caiado também participou da convenção religiosa em Brasília
Wellington Dias disse que Lula é um homem de Deus. (Foto: Divulgação)
Wellington Dias disse que Lula é um homem de Deus. (Foto: Divulgação)

Durante a Convenção Nacional das Assembleias de Deus do Ministério de Madureira, realizada nesta sexta-feira (21), em Brasília, o ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, disse que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), é um “homem de Deus”. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Também presente no evento, o vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB), foi chamado de Doutor Geraldo e elogiado pelo bispo Samuel Ferreira.

Segundo o bispo, os fiéis podem confiar em Alckmin e mencionou trecho da Bíblia que cita respeito às autoridades e aos Poderes constituídos. O bispo pediu ainda aplausos ao vice-presidente.

O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, disse que seu ministério estava aberto ao Congresso, à sociedade e inclusive ao Ministério de Madureira.

“A igreja tem um papel muito importante, e confiamos muito nela para que o Brasil promova a paz. A paz nas famílias, nas escolas, na proteção de nossas crianças, de todos os ambientes, e a paz que possa unir e reconstruir o nosso país”, disse o ministro de Lula.

Participaram da convenção, Alckmin, Dias e o ministro Alexandre Padilha (Relações Institucionais), a senadora Damares Alves (Republicanos-DF) e ex-ministra de Bolsonaro, e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (União Brasil).


Leia mais sobre: / Política

Leonardo Calazenço

Jornalista - repórter de cidades, política, economia e o que mais vier! Apaixonado por comunicação e por levar a notícia de forma clara, objetiva e transparente.