22 de abril de 2024
Eleições 2024 • atualizado em 18/01/2024 às 13:26

Em Catalão, Velomar Rios lidera para prefeito e Sebba é mais forte na oposição, diz Serpes

disputa pela prefeitura tem a liderança de Velomar Rios com 35,7% entre os entrevistados, segundo a pesquisa de opinião pública
Velomar é ex-prefeito do município, conhecido por uma gestão tranquila e com boa repercussão entre a população. (Foto: Prefeitura de Catalão).
Velomar é ex-prefeito do município, conhecido por uma gestão tranquila e com boa repercussão entre a população. (Foto: Prefeitura de Catalão).

Uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (18), contratada pelo Blog do Badiinho e realizada pelo Instituto SERPES, aponta que em Catalão, a disputa pela prefeitura tem a liderança de Velomar Rios (MDB) com 35,7% de preferência do eleitorado consultado pela pesquisa estimulada. Em seguida, Gustavo Sebba (PSDB) aparece com 21,4%. A pesquisa considerou os indivíduos que já se apresentaram, de certa maneira, pela mídia em geral e aqueles que foram citados pela população abordada.

Elder Galdino (MDB) com 13,7%, Renato Ribeiro (que possivelmente se filiará ao PL), com 4,5%, Nelson Fayad (Sem partido) com 3,0% e Júlio Paschoal (PT) com 0,5% completam a simulação do cenário. Velomar é ex-prefeito do município. Já Gustavo Sebba é filho de Jardel Sebba, ex-prefeito de Catalão, e está no segundo mandato de deputado estadual.

Nesse primeiro cenário 7,5% dos entrevistados afirmaram que anulariam o voto ou não votaria e 13,7% não se decidiram.

No cenário 2 da pesquisa, e caso o nome de Nelson Fayad esteja fora da disputa, a percentagem a ele atribuída se distribui entre os outros candidatos. Sem, entretanto, prejudicar a vantagem de Velomar Rios como o mais aceito pelos eleitores. Nesse segundo cenário, 7,7% anulariam o voto ou não votaria e 11,7% não se souberam decidir.

Em um terceiro cenário, caso o nome de Velomar seja removido da pesquisa, a posição de Gustavo sai de 21,4% para 28,2%. Nesse possível caso, o nome que ocuparia o segundo lugar é o agropecuarista Elder Galdino, que saltaria de 13,7% para 23,4%. Nessa perspectiva, 13,2% anulariam o voto ou não votaria e 21,2% não se decidiram.

Este cenário é avaliado como um dos mais prováveis já que Velomar Rios declarou nesta quinta, 18, ao Diário de Goiás, que não é pré-candidato. Mas, finalizou indicando que a vontade de Deus deve conduzir seu destino político. Ele indicou que o candidato prioritário do grupo ao qual ele pertence (Junto com o prefeito Adib Elias) é Nelson Fayad.

Em um cenário inverso, retirando Gustavo da pesquisa, Velomar ultrapassa 40% de preferência do eleitorado. A vantagem seria de quase 20 pontos percentuais em relação ao segundo colocado. Nessa perspectiva, a aprovação de Nelson Fayad cai para 4,7%. Cerca de 9,5% anularia o voto ou não votaria e 15,2% não souberam decidir.

Índice de rejeição em Catalão

Ao serem questionados sobre: “Em qual candidato não votaria de jeito nenhum”, a ponta da tabela é invertida. 14,7% não votariam em Gustavo Sebba e 11,0% não votariam em Nelson Fayad, sendo os nomes mais rejeitados para o cargo, mas com números muito próximos conforme a margem de erro.

Em seguida, Velomar com 9,7% de rejeição, Elder Galdino com 5,5%, Júlio Paschoal com 4,7% e Renato Ribeiro com 2,7%. Cerca de 65,1% dos entrevistados afirmaram não rejeitar ninguém e 1,7% não souberam responder.

Metodologia

A pesquisa foi realizada entre os moradores de Catalão, entre os dias 14 e 15 de janeiro de 2024. A margem de erro é de 4,9 pontos percentuais, com um índice de confiabilidade de 95%. No total foram ouvidos 401 pesquisados. A pesquisa foi registrada pelo TRE: GO-09212/20204.


Leia mais sobre: / / / / Eleições 2024 / Política

Elysia Cardoso

Jornalista formada pela Uni Araguaia em 2019