10 de agosto de 2022
Educação

Educação projeta dobrar número de matrículas em tempo integral até 2022

Lyceu é uma das escolas em tempo integral. (Foto: Seduc)
Lyceu é uma das escolas em tempo integral. (Foto: Seduc)

A secretária de Educação, Fátima Gavioli, afirmou em entrevista à TV Anhanguera nesta sexta-feira (27) que a pasta espera receber o dobro de matrículas para o Ensino de Tempo Integral na Rede Estadual, no governo de Ronaldo Caiado.

Conforme a Seduc, no próximo ano, serão investidos R$ 20 milhões em infraestrutura e equipamentos para as unidades de ensino de tempo integral. A projeção é de aumento de 25% das matrículas nesta modalidade.

“O aumento do número de vagas na modalidade de tempo integral é um dos pontos basilares da política de Governo para a Educação estadual e foi, inclusive, compromisso do plano de Governo do atual governador Ronaldo Caiado”, informou a pasta em nota enviada ao Diário de Goiás.

Continua após a publicidade

A lista de escolas que oferecem vagas em tempo integral pode ser vista clicando aqui.

O período de solicitação de matrículas foi aberto no último dia 16 e segue até 7 de janeiro. Alunos novos devem visitar este link para efetuar a matrícula. Para realizar a inscrição, é necessário ter em mãos: nome completo do aluno, nome completo da mãe (ou responsável), CPF do aluno, data de nascimento, etapa, série e turno desejados, opções de escolas (se possível três), o munícipio da escola que deseja estudar (obrigatório), telefone para contato e e-mail.

De acordo com a Seduc, até às 16h30 desta sexta-feira (27), 370.557 solicitações já haviam sido realizadas, sendo 63.898 para ingresso de novos alunos. Em 2019, a rede estadual fechou o 2º semestre com 485 mil estudantes matriculados.

Continua após a publicidade