28 de junho de 2022
Goiânia

Edital de concurso da Semas deverá ser lançado em breve; UFG contratada para o certame

Foto: Arquivo DG
Foto: Arquivo DG

O concurso para suprir vagas na Secretaria de Assistência Social (Semas) está próximo de ter seu edital publicado. São 505 vagas para a pasta divididas entre assistentes sociais, psicólogos, assistentes administrativos entre outros. Em entrevista ao Diário de Goiás, o titular da pasta, Mizair Lemes afirmou neste sábado (28/09) durante o Mutirão da Prefeitura, que os processo está em fase final e faltam apenas questões burocráticas para que a Universidade Federal de Goiás, contratada para fazer a gestão da prova, possa anunciar o edital.

Lemes ressalta que após esses detalhes burocráticos serem resolvidos, o edital possa ser anunciado no período mais breve possível. “Nós esperamos que nos próximos dias, o quanto antes, que possa ser publicado o edital, em função que já foi contratada a empresa para realização do concurso.”

Ele explica que o processo está na Secretaria Municipal de Administração (Semad) e que está cobrando para que a pasta possa agilizar. Neste momento, o pedido é de urgência. “Nós temos urgência nesse concurso uma vez que ano que vem é ano eleitoral e a legislação estabelece limite nas datas para publicação de editais, mas nós estamos cobrando diariamente da Semad para que o quanto antes possa ser liberado e encaminhado para que nós possamos publicar este edital, realizar o concurso e dar posse em janeiro, para aqueles que passarem e forem comprovados através de concurso público”, pontua.

Continua após a publicidade

Lemes também ressalta que o concurso “é histórico”, tendo em vista que é o primeiro que a pasta fará em Goiânia. Ele conta sua expectativa para o processo: “Precisamos de uma equipe qualificada, efetiva: psicólogos, entrevistadores, auxiliares administrativos, assistentes sociais. Isso tudo contribuirá com que a secretaria ao longo dos anos ela evolua com uma equipe qualificada, técnica e tendo condições efetivas de prestar um serviço de assistência social no município de Goiânia”, concluiu.