19 de agosto de 2022
Destaque 2 • atualizado em 06/12/2020 às 18:33

Duas crianças foram mortas por balas perdidas no RJ; armas de PMs foram apreendidas

Emyli e Rebeca foram mortas na porta de casa por balas perdidas. Foto: montagem.
Emyli e Rebeca foram mortas na porta de casa por balas perdidas. Foto: montagem.

A Polícia Civil (RJ) vai investigar as mortes de duas crianças que foram mortas vítimas de bala perdida na noite de sexta-feira (4/12), em Duque de Caxias (RJ). Emilly Vitória, de 4 anos, e Rebeca Beatriz, de 7, estavam brincando no momento que foram atingidas. Elas eram primas e aguardavam a chegada da avó para comprarem lanche, de acordo com a TV Globo.

À TV Globo, a avó de uma das vítimas disse que ouviu uns 10 disparos.

“Eu escutei os disparos, no máximo, no mínimo uns 10 disparos. A viatura, simplesmente, deu aquele arranco e saiu. Ele parou em frente à rua e simplesmente efetuou os disparos”, narrou.

Continua após a publicidade

A Polícia Militar (PM) afirmou que havia uma equipe no patrulhamento na região quando ouviu tiros, mas negou que os policiais tenham atirado.

A Delegacia de Homicídios está investigando o caso. As armas dos PMs foram apreendidas e eles já prestaram depoimento.

As duas foram enterradas juntas no fim da tarde deste sábado (5). A Secretaria de Segurança Pública do Rio de Janeiro (SSP-RJ) não havia se manifestado acerca do assunto até o encerramento este texto.

Continua após a publicidade