16 de abril de 2024
Alerta

Dívidas negociadas de parcelas do ICMS, IPVA e ITCD vencem nesta segunda (26)

O valor total dos tributos devidos aos cofres da Receita Estadual é de R$ 65,8 milhões. Atualmente, são 29 mil contribuintes devedores
Os pagamentos podem ser feitos pelo aplicativo EON-Economia, e pelo site da Secretaria da Economia. Foto: Economia
Os pagamentos podem ser feitos pelo aplicativo EON-Economia, e pelo site da Secretaria da Economia. Foto: Economia

A Secretaria de Estado da Economia de Goiás alerta contribuintes que negociaram parcelas dos tributos estaduais ICMS, IPVA e ITCD, para realizarem o pagamento dos débitos até esta segunda-feira (26). Atualmente, o valor total dos tributos devidos aos cofres da Receita Estadual é de R$ 65,8 milhões.

Conforme a Superintendência de Recuperação de Crédito (SRC), a quantidade total de parcelas da carteira de créditos chega a 685 mil documentos, que correspondem a R$ 2,09 bilhões em valores de tributos devidos ao Estado. Ao todo, 29 mil contribuintes estão em condição de devedores de impostos estaduais.

Como fazer o pagamento

Para realizar o pagamento dos débitos, o contribuinte pode gerar o boleto referente ao parcelamento em questão por meio do aplicativo EON-Economia – Online ou diretamente no site da Secretaria da Economia. Pelo site da secretaria, basta clicar no ícone destinado ao Parcelamento e selecionar a opção “Emitir Parcela” para casos de parcelamento relacionados ao IPVA, ICMS e ITCD.

Em seguida, é necessário escolher o tipo de documento pelo qual se deseja pesquisar o parcelamento e informar o número correspondente a esse documento. A quantidade geral de parcelamento ativo soma 2,7 mil documentos. 

Negociações

Os parcelamentos dos débitos são referentes às negociações feitas na última edição da Negociação Fiscal (Facilita), realizada em 2021. Nesta edição, 1,5 mil contribuintes inadimplentes parcelaram suas dívidas com o Estado.

A quantidade geral de parcelamento ativo soma 2,7 mil documentos. O total de parcelas ainda por vencer representa 102 mil títulos, equivalente a R$ 470,7 milhões em créditos tributários a serem recolhidos aos cofres da Receita Estadual.


Leia mais sobre: / / / Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.