25 de junho de 2024
Eleições 2012

Disputa Jardel x Adib invade tribuna da Alego

A eleição municipal de Catalão ganhou palanque na Assembleia Legislativa de Goiás, na tarde desta quarta-feira, 29. A deputada estadual Adriete Elias (PMDB) rebateu as críticas do deputado Túlio Isac (PSDB) em relação à gestão do marido, Adib Elias (PMDB), na cidade do sudoeste goiano.

 

Túlio questionou o envolvimento do peemedebista na Operação Ouro Negro, da Polícia Federal. Em contrapartida, Adriete cobrou respeito do deputado, ressaltando a anulação do processo contra o ex-prefeito.

“Sei que este parlamentar (Túlio Isac) não merece, sequer, minhas respostas. Mas ele citou o nome de Adib, a quem deve o respeito. Se fosse mais bem informado, o deputado teria lido que o processo foi extinto pela Justiça, por não haver provas legais para a continuidade das investigações. A Justiça tarda, mas não falha. Esses absurdos possuem interesses políticos de pessoas que não têm compromisso com Catalão”, rebateu a deputada.

No contra-ataque, Adriete lembrou o deputado sobre suas dívidas com o Estado e com a Prefeitura. “Quem tem telhado de vidro não deveria atirar pedras”, alfinetou a ex-primeira dama.

Túlio Isac, por sua vez, respondeu Adriete com ironia: “Eu apenas falei sobre as notícias que li nos jornais. A senhora não explicou os desvios do seu marido na prefeitura de Catalão. Nem poderia, já que os próprios companheiros de Adib Elias foram todos algemados durante a Operação Ouro Negro.”

Em relação às acusações feitas a ele, o deputado se esquivou e mudou de assunto. “Se quiser saber sobre minhas dívidas na Agecom, que vá atrás. A senhora que é a interessada. O que a deputada tinha que explicar também é o emprego que mantinha na prefeitura de Goiânia para ficar em Catalão. Se gosta tanto de sua cidade, o que faz aqui?”

Questão de ordem, deputado. E os aliados do governo do Estado, que o senhor representa, algemados na Operação Monte Carlo?

Essa guerra vai longe!


Leia mais sobre: Eleições 2012