14 de junho de 2024
ELEIÇÕES 2024 • atualizado em 24/05/2024 às 10:26

Dione do Cará defende leilão de imóveis da Prefeitura para fazer cemitério em Bela Vista

Presidente da Câmara e herdeiro político da atual prefeita fala sobre as críticas ao leilão dos imóveis, as alianças partidárias para 2024 e propostas para a cidade
Dione do Cará disse na entrevista ao DG que as críticas são politicagem - Foto: reprodução Diário de Goiás
Dione do Cará disse na entrevista ao DG que as críticas são politicagem - Foto: reprodução Diário de Goiás

O presidente da Câmara Municipal de Bela Vista de Goiás, Dione do Cará (PP), pré-candidato a prefeito apoiado pela atual prefeita, Nárcia Kelly (PP), disse ao Diário de Goiás na quinta-feira (23) que são “politicagem” as críticas ao leilão de quatro imóveis para levantar recursos à construção de um novo cemitério, marcado para a segunda-feira (27). Os demais pré-candidatos vêm se manifestando contrários ao leilão (confira os imóveis oferecidos no final dessa reportagem).

“Tem gente querendo tirar proveito. Quem faz é criticado e quem não faz, critica. Acredito que essa frase é verdadeira. Na política, o que dói na gente às vezes é ver pessoas que não querem ajudar. Só querem tumultuar, criticar, não apontam soluções. São grupos políticos querendo manipular as pessoas, tirar proveito”, ataca ele.

Aprovação unânime

A proposta do leilão apresentada pela prefeitura foi aprovada pelos 11 vereadores da cidade. “São prédios condenados, sem acessibilidade, mal-executados. E o recurso é [direcionado] para ser aplicado em outro imóvel para o cemitério [não pode ser gasto com outra coisa]”, sustenta ele.

O parlamentar e pré-candidato detalhou em entrevista ao editor-chefe do DG, jornalista Altair Tavares, que a área a ser adquirida para o novo cemitério vai somar quase 2 alqueires, somando mais de 90 mil metros de área, com muro, sala municipal de velório, cozinha, banheiros e pista de acesso duplicada.

“Hoje várias famílias carentes nos procuram porque não têm condições de pagar um plano [funerário] e não têm onde velar o ente querido. Foi feito tudo dentro da lei. Agora vamos esperar para ver se tem comprador. O leilão é segunda-feira (27)

Por enquanto, já se manifestaram contra o leilão que deve arrecadar no mínimo R$ 5 milhões os também pré-candidatos e oposicionistas, Eurípedes do Carmo (Podemos), Marcos Teles (PT) e Juliano Moreira (PRD) que, inclusive é o atual vice-prefeito da cidade. Além de questionar o ano eleitoral, ao menos dois deles apontam outros meios de levantar os recursos para a construção do cemitério, que tende a encerrar a capacidade em 2025.

Confira reportagens anteriores sobre o assunto!

No fim do segundo mandato, Nárcia Kelly vai leiloar quatro áreas que somam R$ 5,3 mi

Prefeita usa redes sociais para defender venda de áreas para construção de novo cemitério

“Falta gestão para resolver essa situação”, diz ex-prefeito e pré-candidato de Bela Vista sobre construção de cemitério

Não é momennto de leiloar área pública, afirma Eurípedes do Carmo, pré-candidato em Bela Vista

Casado com uma prima de Nárcia Kelly, Dione do Cará destaca que foi escolhido para representar a prefeita nas eleições deste ano em meados de 2023. “Depois foram realizadas pesquisas. Meu nome é uma escolha do povo”, afirma. Ele enfatiza que é defensor do diálogo. O pré-candidato afirma que fechou acordo eleitoral envolvendo PP, Avante, Novo e PMN.

Continuidade da atual gestão

O presidente da Câmara usa a estratégia de defender a continuidade da atual gestão. “Foi a melhor gestão da história de Bela Vista. Uma gestão que olha para todos os segmentos e não só para a ou b. É Segurança, esporte, Saúde, Educação. Quero dar continuidade a essa gestão, buscando também algumas melhorias.”. Ele falou em asfaltar as ruas que faltam no residencial Las vegas e terminar a infraestrutura no Barcelona. “A gestão da Nárcia foi a que mais construiu asfalto, mas ainda faltam algumas ruas”, apontou.

Adversários não intimidam

Dione do Cará vai enfrentar dois ex-prefeitos, mas afirma que está tranquito. “Toda disputa é difícil. Trabalho com fé em Deus e humildade, mas ouvindo a população. Olho no olho”. Ele disse que conta com sua experiência como presidente da Câmara em duas gestões. “Não preciso falar mal do nosso adversário, basta falar no que a gente fez e trazer o povo junto para a gestão”.

Prédios que estão sendo oferecidos no edital do leilão marcado para dia 27:

  • O primeiro lote tem o antigo hospital Cristo Redentor, na avenida Pedro Ludovico, no Centro. Tem área de 1.925 metros quadrados e o lance mínimo de R$ 3,5 milhões, o mais elevado do leilão.
  • O segundo lote tem o prédio da antiga delegacia de Polícia, na Rua Sussuapara, no Centro. Com área de 303 metros quadrados e lance mínimo de R$ 515 mil.
  • O terceiro lote é um prédio de apartamentos de 101 metros quadrados, dividido em 3 andares, com 144 metros quadrados de área total, localizado na Praça José Lobo. O lance mínimo é de R$ 793,4 mil.
  • O quarto lote contém o prédio da Câmara Municipal, que abriga a Biblioteca Municipal. Com área de 280 metros quadrados e o lance inicial é de R$ 581,8.

Leia mais sobre: / / / Bela Vista de Goiás / Cidades / Eleições 2024 / Geral / Política

Marília Assunção

Jornalista formada pela Universidade Federal de Goiás. Também formada em História pela Universidade Católica de Goiás e pós-graduada em Regulação Econômica de Mercados pela Universidade de Brasília. Repórter de diferentes áreas para os jornais O Popular e Estadão (correspondente). Prêmios de jornalismo: duas edições do Crea/GO, Embratel e Esso em categoria nacional.