logomarcadiariodegoias2017

Marconi Perillo - Humberto Aidar - Itauçu - GO-070 - Foto Wagnas Cabral 03.jpgO deputado estadual Humberto Aidar (PT), partido de oposição ao Governo do Estado, disse que foi a Itauçu para prestigiar Marconi Perillo e a população. "Eu estou matando serviço porque trabalho numa rádio de Goiânia. Mas confesso que não poderia deixar de estar aqui hoje. Eu vim aqui para dar um testemunho, a forma mais antiga e eficaz de evangelização", declarou o deputado.

Aidar disse ainda que muitos questionam o fato dele caminhar o lado do governador e perguntam também de "onde vem essa amizade com Marconi", já que ele faz parte de um partido que está na oposição. O deputado explicou que foi colega de trabalho do governador "na Assembleia Legislativa, entre 1991 a 1995, "quando pude conhecê-lo melhor".

O parlamentar relatou que na época "era líder do PT e foi o único que teve "coragem de apoiar Marconi Perillo". E contou que nas eleições de 98 percorreu "todo o Estado com o candidato Marconi. Naquele ano, o deputado perdeu a eleição, "mas o governador fez todo o esforço possível para que o PT me aceitasse como secretário. Meu partido não aceitou. E Marconi disse que me colocaria como diretor da Assembleia Legislativa. Obrigado governador", salientou ao agradecer a Marconi pela "amizade e respeito".

Em Itauçu, falando à comunidade, Humberto Aidar declarou: "Estou aqui para dizer que o povo de Itauçu é grato ao senhor e que estará contigo em todas as ocasiões", e que Marconi está deixando "esse governo e, mesmo com todas as obras entregues, e são muitas, com o sentimento de que poderia fazer mais, devido a sua vontade incansável de trabalhar pelo povo".

História – O deputado lembrou que "num comício em Palmeiras de Goiás" decidiu que faria a Oração de São Francisco para que ele pudesse interceder por Marconi, "um jovem de pouco mais de 30 anos".

Já na posse, em 1999, na Praça Cívica, "a mãe do governador pediu para que eu fizesse a mesma oração", pontuou Humberto. Na ocasião, ele disse que "não estava preparado e que não era o momento".  Em Itauçu, o deputado pegou o microfone e cumpriu o pedido da mãe de Marconi, dona Maria Pires Perillo, para desejar-lhe "paz e sucesso nessa caminhada".

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

Reportagem Especial

TVDG

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

SEARCH