16 de abril de 2024
Ação conjunta • atualizado em 01/03/2024 às 18:35

Dia D Nacional contra a Dengue mobiliza cidades goianas no combate ao mosquito, neste sábado (2)

A campanha lançada pelo Ministério da Saúde tem como objetivo buscar a mobilização popular no combate à disseminação da doença no país
O Dia D Nacional contra a Dengue em Goiás terá programação especial em três cidades goianas. Foto: Jhonney Macena
O Dia D Nacional contra a Dengue em Goiás terá programação especial em três cidades goianas. Foto: Jhonney Macena

Neste sábado (2), acontece o Dia D Nacional contra a Dengue, movimento que mobilizará cidades goianas, como Pirenópolis, Cocalzinho e a capital, em ações de conscientização contra o mosquito transmissor de arboviroses, o Aedes aegypt. A campanha lançada pelo Ministério da Saúde visa reforçar orientações, fazer alertas à população e atuar no manejo ambiental contra a proliferação das doenças.

Goiás é um dos seis estados que declararam situação de Emergência em Saúde. Atualmente, o estado conta com 147 cidades com gabinetes de crise implantados para monitoramento da dengue. A programação começa a partir das 8h e se estenderá por todo o dia.

Programação

A abertura do Dia D Nacional em Goiás, será na cidade histórica de Pirenópolis, às 8h, no Centro da cidade, com a presença do secretário estadual da saúde, Rasível Santos, do secretário municipal de saúde e presidente do Conselho Nacional dos Secretários Municipais de Saúde (Conasems), Hisham Amida, além de outras figuras atuantes, como a superintendente de Vigilância em Saúde de Goiás, Flúvia Amorim.

Em Pirenópolis, as visitas domiciliares e manejo ambiental vão ocorrer durante todo o dia, além de serviços de atendimento médico, odontológico, testes rápidos de Covid, dengue, influenza e IST’s. Também será a oportunidade para atualizar a caderneta de vacinação, realizar a vacinação contra dengue em adolescentes entre 10 a 14 anos, fazer testagem contra leishmaniose canina, vacinação contra raiva e encoleiramento canino (distribuição de coleiras impregnadas com deltametrina).

Já em Cocalzinho, a concentração das equipes para distribuição dos trabalhos, será a partir das 7h no Posto Saúde da Família 7, no Setor Itamar 2, com convocação de servidores de todas as secretarias do município. A cidade requisitou a utilização de drones pelos bombeiros para fazer o diagnóstico do Distrito Girassol, que reúne cerca de 1,2 mil imóveis e onde é registrado o maior número de casos.

Ação na capital

Em Goiânia, o Dia D contra dengue vai envolver mais de 800 agentes de combate ao mosquito. A ação inicia às 8h, na Praça C-8, Avenida C-12, Setor Sudoeste. O objetivo principal é realizar uma grande mobilização por toda cidade para eliminar os focos do mosquito e impedir a proliferação da doença. Além disso, a vacinação de crianças e adolescentes contra a dengue acontecerá em sete unidades de saúde.

Os mais de 800 agentes vão atuar por toda a cidade, das 8h às 16h, fazendo visitas às residências, conversando com moradores, entregando uma cartilha com orientações sobre a dengue e recolhendo pneus. As 14 equipes vão usar bombas costais para pulverizar veneno nos locais onde há maior concentração do mosquito e confirmação de casos. Serão duas equipes para cada um dos sete Distritos Sanitários de Saúde.

Atualmente, a capital está no Nível 3, que é situação de Emergência para dengue, com 6.685 casos prováveis e um óbito confirmado. Sete outros óbitos estão sendo investigados. 


Leia mais sobre: / / / Notícias do Estado

Luana Cardoso

Luana

Estagiária de Jornalismo do convênio entre a UFG e o Diário de Goiás.