27 de maio de 2024
Concessão de benefícios

Deputados aprovam indenizações para titulares de cargos do Executivo em segunda votação

Votação ocorreu durante sessão ordinária híbrida desta quarta-feira (14), na Alego. Seis parlamentares foram contrários
Sessão ordinária híbrida. Foto: Sérgio Rocha/Alego
Sessão ordinária híbrida. Foto: Sérgio Rocha/Alego

A Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego) aprovou, nesta quinta-feira (14), em segunda votação, os projetos de lei n° 1942/23 e nº 1943/23, que tratam de indenizações a serem recebidas pelos titulares de cargos de direção, assessoramento e cargos diretivos do Poder Executivo e pelos titulares de cargos do governo estadual.

As matérias, que já haviam sido aprovadas em primeira votação na quarta-feira (13), preveem benefício que poderá chegar a até R$ 11 mil reais para cada servidor, que se dará por meio de reembolso de gastos com transporte e alimentação.

Seis deputados votaram contrários aos projetos: Mauro Rubem (PT), Antônio Gomide (PT), Bia de Lima (PT), Major Araújo (PL), Gustavo Sebba (PSDB) e Delegado Eduardo Prado (PL).

LEIA TAMBÉM: Alego aprova indenizações para cargos do Executivo em primeira votação


Leia mais sobre: / / / / Política

Vinicius Martins

Jornalista por formação com MBA em Marketing e Estratégia Digital.