26 de maio de 2022
Política

Delta: promotor apura suposta lavagem de dinheiro

O promotor de Justiça Fernando Krebs instaurou inquérito civil público para apurar suposta prática de lavagem de dinheiro envolvendo ex-servidores da Prefeitura de Goiânia e a empresa Delta Construções.

Fernando Krebs quer verificar a veracidade de matéria veiculada em jornal local sobre a empresa GM Comércio de Pneus e Peças Ltda., de propriedade do ex-servidor da prefeitura, Alcino de Souza, que teria recebido cerca de R$ 6 milhões, entre novembro de 2009 e maio de 2010 da empresa Delta.

Segundo a notícia, o esquema teria contado com a possível participação do ex-diretor de Compras e Licitações da Prefeitura de Goiânia e atual presidente do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Aparecida de Goiânia, Fábio Passaglia.

Continua após a publicidade

Como primeira providência, o promotor de Justiça requisitou informações ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) sobre os fatos narrados. (Ministério Público de Goiás)

Leia mais sobre:
Política