21 de julho de 2024
Cidades

De janeiro a julho, prefeitura de Goiânia já contratou 860 médicos

A prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), contratou 860 médicos de janeiro até agora (julho de 2013). Destes, 504 já foram lotados e dois processos de convocação e chamamento estão em andamento (168 + 188). 168 estão entregando documentação e 188 aguardam convocação, já autorizada pelo prefeito Paulo Garcia.

O déficit de plantonistas na rede, de acordo com a Diretoria de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde, é de 188. O secretário de saúde, Fernando Machado, afirma que 90 profissionais conseguiriam cobrir as grades de plantões que estão em aberto, se estes assumissem mais de um plantão por semana.

Em contraposição às contratações, 398 médicos deixaram a rede por motivos diversos neste primeiro semestre. Mesmo assim, Fernando Machado afirma que a SMS conseguiu reduzir o déficit de profissionais com relação ao início do ano, que é o período mais crítico por causa das férias e residência médica.

O secretário reforça que a SMS enfrenta uma grande rotatividade de médicos e que este é um fenômeno do mercado brasileiro. “A situação de Goiânia comparada a de outras capitais é melhor, pois ainda contrata muitos médicos”, diz. Fernando Machado acrescenta que a pasta está fazendo um grande esforço para melhorar as condições de trabalho dos profissionais com relação à estrutura física e compra de insumos e medicamentos.

Quadro de médicos em Goiânia*

Centros de Saúde da Família (63 unidades e 183 equipes de Estratégia de Saúde da Família) – 133 credenciados e 31 efetivos em atuação – O déficit é de 19 médicos.

Ambulatórios de Centros de Saúde (22 unidades) – 151 credenciados e 332 efetivos em atuação – O déficit é de 46 médicos.

Urgências (14 Cais e Ciams) – 501 credenciados e 140 efetivos em atuação – O déficit é de 136 médicos

168 concursados estão entregando documentação

188 concursados estão aguardando convocação

Total**

Médicos lotados 1.308

Posses em andamento – 356

Déficit – 188

Subtotal: 1.664

Total de vagas na rede: 1.800

*números sujeitos a alterações de acordo com os desligamentos e posses

**Demais médicos estão lotados no Samu, administração central, auditoria e Maternidades.

As informações são da prefeitura de Goiânia.


Leia mais sobre: Cidades