08 de agosto de 2022
Cidades

Concluídas investigações contra suspeito de estupro em Aparecida

Titular da Deam: Ana Paula Machado. (Foto: Reprodução You tube- Canal Aparecida)
Titular da Deam: Ana Paula Machado. (Foto: Reprodução You tube- Canal Aparecida)

A Delegacia de Investigação de Crimes Contra a Mulher em Aparecida de Goiânia, terminou a apuração de três casos de estupros ocorridos na cidade, com a identificação dos supostos autores e cumprimento de mandado de prisão preventiva. Os exames de DNA confirmaram a autoria dos delitos.

Continua após a publicidade

Foi preso Edivaldo Francisco de Sousa, de 47 anos, que teria abusado sexualmente de pelo menos três vítimas. Segundo a polícia, Edivaldo possui extensa ficha criminal, com inúmeras passagens por estupros tentados e roubo.

De acordo com a investigação, Edivaldo Francisco geralmente chegava no local em uma moto, abordava a vítima na casa dele, sempre pedindo informações de outras pessoas. Em seguida, mostrava a arma, agarrava a mulher, a estuprava dentro da residência e lhe roubava o celular.

O suposto autor teria agido com muita violência e agressividade. Em um dos casos, a polícia informou que ele manteve o filho da vítima, de 12 anos de idade, preso dentro do banheiro enquanto cometia o estupro. E após o crime, costumava ameaçava matar as vítimas caso elas o denunciassem.

Continua após a publicidade

Edivaldo Francisco de Sousa foi preso no dia 7 deste mês e encontra-se recolhido na Penitenciária Odenir Guimarães (POG).O trabalho teve a participação da delegada Ana Paula Machado, titular da Deam de Aparecida (foto).