15 de junho de 2024
Notícias do Estado

Comércio informal da Rua 44 vai ser debatido pelos vereadores.

Vai ser realizada na câmara municipal de Vereadores de Goiânia, uma audiência pública sobre o comércio irregular da Rua 44, no setor Norte Ferroviário. O debate foi proposto pelo vereador Geovani Antonio-PSDB, que considera importante discutir esta situação irregular, fruto, segundo ele, de um crescimento desordenado causado, principalmente, pela visibilidade da Feira Hippie.

 

De acordo com o vereador são mais de 35 comércios funcionando ilegalmente, o que equivale a quase 3 mil metros quadrados, com uma vasta lista de edificações embargadas, que continuam em funcionamento, desafiando o Código de Obras e o Plano Diretor de Goiânia.

O objetivo da Audiência Pública, justifica ele, é buscar o ordenamento para a expansão imobiliária desenfreada ao redor do Terminal Rodoviário de Goiânia, onde se concentra hoje considerável pólo comercial, cujo crescimento desordenado vem gerando impacto negativo no sistema viário, no meio ambiente e para os moradores da região, diz Geovani acrescentando que é necessária uma ação do Poder Público, para sanar este e outros problemas gerados no local.

As principais irregularidades apontadas pelos freqüentadores da Rua 44 são a falta de estacionamento, condições sanitárias inadequadas, falta de banheiros públicos, de lixeiras e, sobretudo deficiência em relação à segurança pública.


Leia mais sobre: Notícias do Estado