24 de junho de 2024
Destaque • atualizado em 17/11/2020 às 18:04

Com um “pulmão artificial”, Maguito Vilela é submetido a diálise, de acordo com novo boletim

O candidato do MDB, Maguito Vilela, internado desde o dia 22 de outubro em tratamento pela covid-19, teve de entrar nesta terça-feira (17/11) em “tratamento dialítico”, seguido da instalação de um equipamento chamado ECMO, “para possibilitar ventilação protetora pulmonar”. É como se o candidato tivesse um “pulmão artificial” auxiliando o tratamento. 

Confira o boletim na íntegra:

São Paulo, 17 de novembro de 2020 – senhor Luís Alberto Maguito Vilela encontra-se internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, desde o dia 27 de outubro para tratamento da Covid-19. No dia 30 de outubro, a equipe médica responsável decidiu pela intubação pelo quadro de insuficiência respiratória. O paciente evoluiu bem, sendo extubado em 8 de novembro, para respiração espontânea. Em 15 de novembro, necessitou ser reintubado por piora pulmonar (inflamatória e infecciosa), seguindo em ventilação mecânica invasiva. Hoje, 17 de novembro, foi iniciado tratamento diálitico seguido de instalação de ECMO para possibilitar ventilação protetora pulmonar. 


Leia mais sobre: / / Destaque

Domingos Ketelbey

Jornalista e editor do Diário de Goiás. Escreve sobre tudo e também sobre mobilidade urbana, cultura e política. Apaixonado por jornalismo literário, cafés e conversas de botequim.