16 de julho de 2024
Publicado em • atualizado em 13/06/2024 às 22:48

Passo a passo da construção da SAF no Atlético Clube Goianiense

Atlético Clube Goianiense (Foto - Allan Deyvid)
Atlético Clube Goianiense (Foto - Allan Deyvid)

Vasco da Gama, Cruzeiro, Botafogo, Bahia, América, Coritiba e agora o Atlético Clube Goianiense. Agremiações que aderiram a SAF – Sociedade Anónima do Futebol – com o objetivo de receber investimento milionários e que podem mudar o patamar dentro do competitivo cenário do futebol brasileiro.

O movimento no Atlético-GO não é de agora. Começou em 2019, como me relatou o Diretor Jurídico do Dragão, Dr. Marcos Egídio. O dirigente rubro-negro detalhou o passa a passo da mudança administrativa que começou com a reforma do Estatuto Social.

Com a SAF consolidada, o Atlético-GO tem algo como inegociável. Não serão negociadas mais de 49% das ações. Isso significa que, diferente de outros clubes, o comando será de um dirigente da agremiação. No momento o presidente Adson Batista, que aguarda investidores dispostos a colocar muito dinheiro para que o clube possa mudar de patamar e consequentemente entregar lucro a quem apostar no negócio.

Passo a Passo da SAF no Atlético Goianiense

12/08/2019 – A Assembleia Geral da associação A.C.G aprovou a reforma do Estatuto Social que permitiu ao Conselho de Administração aprovasse a criação de uma sociedade empresária para fins de gestão do futebol do A.C.G.

05/03/2021 – Foi aberta a companhia denominada ATLÉTICO GOIANIENSE S/A (CNPJ 41.125.027/0001-98), com 100% de capital integralizado pela associação A.C.G..

06/09/2021 – Adson Batista e Valdivino José de Oliveira foram reeleitos Presidente e Vice-presidente da associação A.C.G. para um mandato de 3 anos com vencimento no dia 31 de dezembro de 2015.

06/10/2021 – Foi aprovada a Lei 14.193, que instituiu a Sociedade Anônima do Futebol e estipulou as regras de constituição, governança, controle e transparência, meios de financiamento da atividade futebolística, tratamento dos passivos das entidades de práticas desportivas e regime tributário específico.

11/11/2022 – A companhia ATLÉTICO GOIANIENSE S/A passou a ser chamada de ATLÉTICO GOIANIENSE SAF, mediante alteração na junta comercial, para fins de atendimento e adequação a Lei 14.193, mantendo a associação A.C.G. como única acionista.

06/12/2023 – Foi aprovado pelo Conselho de Administração o Comodato dos bens patrimoniais da associação A.C.G. para a companhia ATLÉTICO GOIANIENSE SAF.

21/01/2024 – Os membros do Conselho de Administração da associação A.C.G. aprovaram por unanimidade o TERMO para IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO DO “ATLÉTICO GOIANIENSE SAF.”, e assim determinar o formato de controle da sociedade empresária.

05/06/2024 – Foi requerida pela associação A.C.G. à Confederação Brasileira de Futebol, que procedesse a sucessão esportiva da associação A.C.G. para a companhia ATLÉTICO GOIANIENSE SAF, já constando Adson presidente-executivo da companhia ATLÉTICO GOIANIENSE S/AF, e Valdivino assumindo a Presidência da associação A.C.G.

12/06/2024 – A Confederação Brasileira de Futebol consolida a sucessão da gestão do futebol da associação A.C.G. para a companhia ATLÉTICO GOIANIENSE SAF. A partir dessa data o Valdivino vai representar na SAF o capital social pertencente a associação A.C.G. O próximo passo será o Adson formatar a sua diretoria na SAF, organograma etc., e migrar toda a administração.